10 elogios que as mulheres não podem resistir

10 elogios que as mulheres não podem resistir

10 maneiras definitivas para elogiar uma senhora

Cumprimentar uma pessoa com quem você se interessa romanticamente não é exatamente uma tarefa fácil. Suas palavras não devem parecer vazias, falsas ou como uma tentativa de entrar em suas calças. Ao mesmo tempo, deixá-la faminta de afeto e afirmação não é exatamente um movimento suave.

RELACIONADO: Como paquerar

O truque é se concentrar em áreas menos óbvias para o elogio, a fim de realmente impressioná-la. Elogios como chamá-la de “a garota mais bonita do mundo” não vai cortá-la, então você vai precisar ser um pouco mais criativo. Abaixo, você encontrará os 10 principais elogios que as mulheres não podem resistir, e Por que você deve usá-los o mais rápido possível?

1. 'Você é hilário!'

Os homens estão tão preocupados com a ideia de que precisam ser engraçados na relação que reprimem as tentativas de humor de outras pessoas. Às vezes, isso pode levar a uma dinâmica estranha em que a garota se sente pouco valorizada porque parece que você está sempre tentando ofuscar ela.

Se você demonstrar sincero apreço por seu humor, ela se aquecerá para você como resultado.

Deixar a namorada, a namorada ou a esposa saberem que você a acha engraçada é geralmente melhor comunicada simplesmente rindo de suas piadas ou respondendo com o emoji choro-rir aos seus textos engraçados. Ele também pode ser reforçado em algumas ocasiões, deixando-a saber em palavras reais (“você é hilário”, “você me faz rir” ou “você tem um senso de humor tão aguçado”).

2. “Aprendi muito com você.”

Todo mundo gosta de sentir que traz informações valiosas para a mesa. Se o seu interesse amoroso é inteligente ou esperto, diga-lhes que você valoriza suas opiniões e comentários e está ansioso para aprender com eles.

Todos trazem algo à mesa em termos de conhecimento, então pense cuidadosamente sobre o que seu parceiro está lhe ensinando e elogie isso especificamente para que seja mais genuíno. Uma maneira mais personalizada de entregar esse elogio é relacioná-lo a gosto, observando que você aprecia o que ele assiste, lê ou ouve.

3. “Você tem lindos olhos / lábios / dentes / cabelos”.

Dizer a uma mulher que ela é bonita geralmente será bem recebido, mas pode ser um elogio tão genérico que, de vez em quando, parece um pouco falso. Dê um passo adiante isolando seus melhores recursos e direcionando-os especificamente. Se ela tem lábios incríveis e cheios, diga isso a ela, ou se ela tem dentes brancos reluzentes, aprimore esse aspecto específico.

Quanto mais específico você for, melhor. Isso mostra que você está prestando atenção! Também é melhor evitar focar em partes do corpo mais cruas e sexuais (peitos ou bundas, por exemplo), a menos que você tenha um relacionamento estabelecido e tenha certeza de que não será assustador. Complementar uma mulher em sua pele, cabelos ou unhas, especialmente se eles são particularmente claros, brilhantes e fortes, respectivamente, pode ser uma boa jogada também. Muitas mulheres colocam um esforço não declarado nessas áreas específicas.

4. “Eu confio em você implicitamente.”

O ciúme pode ser uma força divisora ​​feia nos relacionamentos, e se você tem a tendência de deixar o monstro de olhos verdes ficar um pouco louco, você deve fazer um balanço da lealdade do seu parceiro. Elogie-a por isso!

Afinal de contas, a menos que você tenha provas reais de que ela traiu você, ela apreciará algum reconhecimento por permanecer fiel a você, especialmente se a norma para você for mensagens de texto suspeitas e acusações veladas de flerte. Mesmo que lealdade seja algo que não deveria ser dito quando você se comprometeu com alguém, isso não significa que você não pode demonstrar sua gratidão por isso.

5. 'Você não é como alguém que eu conheci antes.'

Isso não é o mesmo que dizer “você não é como as outras garotas”, o que é improvável que seja bem recebido por mulheres que se prezam.

“Você não é como todos os outros” reconhece as peculiaridades exclusivas de sua outra pessoa significativa e garante a ela que você as acha mais cativantes do que estranhas. Todos gostaríamos que as nossas peculiaridades e idiossincrasias menos convencionais fossem notadas e apreciadas, porque significa que somos valorizados pelo que somos, não apenas pela fachada polida que adotamos quando estamos no nosso melhor comportamento.

6. “Você é bom no que faz.”

Seja o que for que a mulher em sua vida faça em termos de carreira, hobbies ou corridas de lado, é provável que ela queira ser notada por suas habilidades e sucesso. Preste atenção ao ofício que mais importa para ela. Não adianta elogiar suas habilidades em seu trabalho bancário de 9 a 5 se você sabe que ela destrói a alma, mas um elogio significativo sobre sua arte mostrará que você se importa com as coisas que ela realmente valoriza. Um elogio como este irá diferenciá-lo e faça ela se sentir quente e confusa.

7. 'Estou melhor quando estou com você.'

Frequentemente, somos elogiados por coisas sem sentido na vida: nossas roupas, atributos externos ou o quanto as coisas que compramos são agradáveis. É muito gratificante saber que a pessoa com quem estamos nos aprecia muito mais do que as coisas físicas. Isso atinge o âmago de quem você é como pessoa e suas melhores qualidades, mais altruístas. Se você disser ao seu parceiro que você se sente uma pessoa melhor quando está por perto, elogia-o por ser capaz de destacar ou melhorar qualidades que você não sabia que tinha. Por mais extravagante que pareça, eles são a outra metade que é capaz de fazer você se sentir completo. Se você deixar seu outro significativo saber que, as chances são de que ela vai ficar desmaiada.

8. 'Você é tão sexy.'

Guarde este para depois de algumas datas, para que você não fique tão focado em sexo. Se você está em um relacionamento, sua garota vai querer ter certeza de que você a acha atraente de uma maneira sexual. Normalmente, é melhor para quando você está prestes a começar ou quando ela está se sentindo melhor, e uma “você é tão sexy” pode realmente ser a cereja no topo do bolo para melhorar seu humor.

9. “Você está incrível, como sempre.”

Complementar a aparência de uma mulher pode ser um negócio delicado. Se você diz alguma coisa enquanto ela está com o rosto cheio de maquiagem, ela pode sentir que você não gosta do jeito que ela fica quando está mais vestida. Por outro lado, se você disser a ela que a prefere sem maquiagem, ela pode interpretar isso como um sinal de que você a acha muito confusa em outras ocasiões.

Por esse motivo, é melhor manter os elogios sobre sua aparência um pouco mais geral em vez de específica. A última coisa que você quer é para algo que você pretendia como uma declaração positiva para fazê-la se sentir pior sobre sua aparência. É sempre uma aposta segura dizer algo como “você está ótimo hoje” ou “você está incrível como sempre”.

10. 'Você é a minha pessoa favorita para passar o tempo.'

Dizer a alguém que você gosta da companhia deles é sobre o mais simples e sincero elogio da Terra. É sempre bom ouvir de alguém com quem você está vendo que você é a pessoa favorita deles para passar o tempo. Às vezes, relacionamentos de longo prazo perdem um pouco da centelha e da paixão que os definem desde o início. Essa pode ser uma boa maneira de reafirmar o que seu parceiro significa para você, mesmo que você tenha se mudado para um território familiar e confortável.

Os elogios são uma maneira simples de fortalecer um relacionamento, melhorando a auto-estima do seu parceiro. A chave dos elogios é torná-los pensativos, específicos e relacionados a outras coisas além da aparência. Se você é genuíno e aponta aspectos que realmente gosta da pessoa, não pode errar. Seja generoso com sua afeição verbal e, com sorte, ela retribuirá o favor!

Você também pode cavar:

O que saber sobre namoro on-line

What to Know About Online Dating

5 Outrageous Online Dating Myths Debunked

O AskMen
Adquirir
A equipe pesquisa e revisa minuciosamente os melhores equipamentos, serviços e grampos para a vida.


Se você tem vivido sob uma rocha nos últimos anos, você pode ter perdido o aumento do namoro on-line. Simplificando, a frase “namoro on-line” é quase redundante neste ponto – on-line é como saímos agora.

Para aqueles que ainda não experimentaram esse mundo impulsionado pela tecnologia (ou para aqueles que ficaram com um dedo do pé há vários anos e estão voltando agora), o estado atual das coisas pode ser um pouco confuso.

Digite este artigo útil para ajudar a desbancar alguns mitos de namoro on-line comuns. Espero que isso ajude você a alcançar o sucesso e a felicidade no site de relacionamentos ou no aplicativo de sua escolha.

1. É legal agora

Vamos tirar o óbvio do caminho primeiro. Dependendo de quantos anos você tem, você pode ser uma daquelas pessoas que ainda pensam que o namoro online é apenas para o lixo do mundo do namoro, é idiota, ou acredita que conhecer alguém online é embaraçoso.

Bem, isso não tem sido o caso por um tempo agora. À medida que nossas vidas se tornam cada vez mais digitalizadas, o mesmo acontece com a arte de namorar. O conceito de conhecer alguém especial na vida real está começando a parecer cada vez mais improvável.

O namoro on-line não é apenas conveniente, oferece a capacidade de interagir com muito mais pessoas do que você jamais conseguiria na vida real. Assim como você decidiu conhecer um estranho total, eles também estão lá para os mesmos fins de namoro e flertar com eles não parecerá tão assustador quanto se você tentasse no trabalho ou na fila de compra do supermercado.

2. Sim, existem fraudes

Você pode ter se assustado com o namoro on-line devido à prevalência de golpes por aí. É verdade que sites falsos, perfis falsos, mensagens de isca e pessoas que fingem estar com você quando estão realmente interessados ​​em seu dinheiro são coisas que existem por aí.

No entanto, eles só existem precisamente porque a esmagadora maioria das pessoas envolvidas em sites de namoro online são reais. Os golpistas vão para onde as pessoas estão, não vice-versa. A presença de alguns golpes é motivo de preocupação. Enquanto você ainda deve ler sobre como se proteger contra ser enganado, também é uma indicação da saúde e viabilidade do namoro on-line em geral, e não o contrário.

3. Você não precisa pagar (mas você deve considerar isso)

Um pedaço significativo do mercado de namoro on-line, seja no site ou no aplicativo, é e continua sendo gratuito. Para as opções pagas, muitas vezes há níveis de nível de entrada gratuitos que permitem que você se inscreva e dê uma espiada para ter uma ideia da experiência antes de decidir se parte do seu suado dinheiro.

RELACIONADOS: Melhores sites de namoro pagos, revelados

Você certamente pode se divertir muito (e ir em encontros!) Sem gastar um único centavo no aplicativo ou site em que está, mas isso não significa que você não deve ter muitas opções de encontros on-line que oferecem aos membros pagantes melhores experiências , incluindo brindes como acesso a mais perfis, a capacidade de enviar mais mensagens e a capacidade de aumentar seu perfil para que você seja visto por mais parceiros em potencial.

Se você levar a sério esse trabalho para você e não encontrar uma enxurrada de mensagens entrando na sua caixa de entrada desde o início, talvez não seja uma má ideia pagar por uma experiência melhor se estiver restrições do seu orçamento. Afinal, você provavelmente não usaria um corte de cabelo gratuito ou um terno barato, então por que economizar em algo tão importante quanto o amor?

4. Não é apenas para conexões

Com toda a conversa em torno do Tinder e do Grindr hoje em dia, é fácil ter a impressão de que o aplicativo de namoro médio está repleto de pessoas que querem apenas uma noite.

Embora exista pelo menos um mínimo de verdade para essa percepção, mesmo os aplicativos de conexão mais voltados para o público tendem a ter uma boa quantidade de pessoas que preferem levar as coisas devagar com algumas datas antes de ficarem nuas e suadas com você.

É apenas uma questão de transmitir o que você está procurando e as pessoas que estão fazendo o mesmo. Não desperdice seus furtos em pessoas cujos perfis comunicam (implícita ou explícitamente) que são partiers ininterruptos. Em vez disso, procure pessoas cujas biografias indiquem que suas personalidades combinam com as suas.

5. Não é apenas para relacionamentos

Por outro lado, se você está procurando sexo sem compromisso ou algo mais casual, há boas notícias para você.

Como a concepção moderna de namoro pode ser muito fluida, algumas pessoas que você encontra em aplicativos como Tinder, Bumble, Grindr ou sites focados no sexo como FriendFinder-X, AdultFriendFinder e XMatch, não são especificamente para alguém que pode trazer para casa para seus pais.

Isso significa que o conceito mítico de conexões é realmente possível, supondo que você seja alguém que se depare mais como um potencial parceiro sexual do que um potencial serial killer. Tudo o que você precisa fazer é ser sincero sobre o que está procurando. Não leve alguém a pensar que você é o material do namorado apenas para que você possa entrar em suas calças.

6. Qual site você se inscreve para assuntos

Muitos caras solteiros hoje em dia provavelmente dizem para si mesmos: “Vou baixar o Tinder porque é o aplicativo de namoro mais popular”, apenas para ficarem confusos quando tiverem uma experiência abaixo do esperado.

Não há problema em inscrever-se no aplicativo mais popular, mas, se isso é tudo que você está fazendo, pode estar prejudicando suas chances ao jogar em campo. Se você é do tipo de cara cuja bio faz você parecer mais atraente que suas fotos, o Tinder de fotos de perfil pode não ser sua melhor aposta.

Da mesma forma, se você quiser engajar-se, a média de correspondência entre o Tinder e a sua gravidade será baixa, ao passo que alguém em um site como o Match ou o Elite Singles provavelmente estará com você no acordo de compra e venda. território da casa.

Nem todos os sites e aplicativos de namoro funcionam da mesma maneira para as mesmas pessoas. É exatamente por isso que saber quais sites funcionam melhor para suas necessidades coloca você à frente da concorrência.

Escolhas principais do AskMen:


Combine

gif transparente

Quando se trata de namoro on-line, é difícil vencer o Match. Para começar, o site existe há mais de duas décadas. Longe de ser um museu de namoro on-line empoeirado, no entanto, ele acompanhou todas as ofertas atuais e, ao mesmo tempo, aproveitou a riqueza de conhecimento e sabedoria sobre namoro acumulados ao longo dos anos.

Confira o Match.com


Zoológico

gif transparente

O zoosk não é tão famoso quanto o Match, mas não deixe a falta de reconhecimento de marca enganar você. É o site de namoro mais bem classificado do AskMen, oferecendo uma experiência simples e tranquila repleta de funcionalidades interessantes em dispositivos móveis e computadores, além de uma coleção de solteiros para você conhecer e conversar.

Confira o Zoosk


Solteiros de elite

gif transparente

Se você está cansado da abordagem do Tinder, talvez seja hora de ficar sério. A palavra “elite” tende a evocar a imagem de um grupo pequeno, mas rarefeito, e neste caso, Elite Singles não é exceção. É um site projetado para solteiros de alto desempenho, ambiciosos e bem-sucedidos que atendem àqueles que são iguais a eles, então, se isso descrever você, bem, clique em!

Confira Elite Singles


FriendFinder-X

gif transparente

Se você procura algo um pouco mais no lado rude das coisas, não há como errar com o FriendFinder-X. É uma das melhores opções para quem procura conhecer pessoas com apetite sexual semelhante antes de mais do que um parceiro de longo prazo. Você também pode fazer sexo somente digital se não estiver realmente se sentindo bem.

Confira o FriendFinder-X


Você também pode cavar:


O AskMen pode receber uma parte da receita se você clicar em um link neste artigo e comprar um produto ou serviço.
    Os links são colocados de forma independente por nossa equipe de Comércio e não influenciam o conteúdo editorial. Para saber mais, por favor leia o nosso completo
            termos de uso.

Como namorar se você tiver ansiedade social

Como namorar se você tiver ansiedade social

Quatro dicas para namoro que mudam o jogo para homens que lutam contra a ansiedade social

Imagine a cena: você é velho e sábio, sente-se com seus netos. Um deles fala e pergunta: “Vovô, como você conheceu a vovó?” Você limpa a garganta. “Bem, crianças”, você diz. “Nós dois fomos convidados para uma festa …”

Para muitas pessoas, esse é um cenário perfeitamente plausível. Mas se você sofre de ansiedade social, a ideia de encontrar alguém em uma festa não é nem realista nem agradável – para eles, as festas são situações aterrorizantes cheias de oportunidades para se sentir constantemente desajeitado, cometer faltas sociais ou simplesmente ter problemas para se conectar qualquer um. Provavelmente, eles evitariam ir em primeiro lugar, e se de alguma forma acabassem participando, teriam certeza absoluta de que não se dariam bem com ninguém.

Se é você, a perspectiva de namorar é provavelmente muito desagradável. Namoro pode ser assustador o suficiente para pessoas relativamente confiantes; para as pessoas socialmente ansiosas, traz consigo uma infinidade de medos, ansiedades e preocupações que a maioria das pessoas nem percebe que existe, muito menos experiência.

Felizmente, está longe de ser impossível para as pessoas com problemas de ansiedade social namorarem ou acabarem em relacionamentos saudáveis, duradouros e estimulantes. Confira essas dicas para comprovação:

1. Como a ansiedade social pode afetar sua vida amorosa

Talvez não pensemos imediatamente na relação entre ansiedade social e relacionamentos, já que muitas vezes torna especialmente difícil lidar com estranhos ou pessoas que você conhece menos bem, em oposição a um parceiro romântico. No entanto, parceiros românticos sempre começam como estranhos – fazendo o obstáculo de encontrar um e desenvolvendo um relacionamento com eles ao longo do tempo, o que é assustador para pessoas com ansiedade social.

Então, quando você está em um relacionamento, pode facilmente causar atrito se o seu parceiro for mais social do que você. Como Lindsey Pratt, LMHC, uma terapeuta em NYC especializada em problemas de relacionamento, diz: “A ansiedade social pode causar impacto nas relações, uma vez que a dinâmica interpessoal pode estar sendo desencadeada por pessoas que sofrem de ansiedade social. Isso pode se manifestar em uma pessoa tornando-se esquiva de seu parceiro, cancelando planos de última hora ou preferindo passar um tempo juntos em casa, em vez de em grupos ou ambientes sociais. ”

Dr. Paulette Sherman, um psicólogo e autor de Namoro de dentro para fora e o próximo livro Namoro no Facebook: desde a primeira data até a alma gêmea, concorda, observando que “pode ser difícil para os parceiros entenderem por que o cônjuge não está sendo social”.

“Às vezes eles podem personalizar isso”, ela acrescenta, “o que pode fazer com que eles pensem que o parceiro com ansiedade social não quer estar com eles, o que não é o caso. Eles podem até pensar que o parceiro prefere ser anti-social porque não entende a natureza da condição do parceiro. Eles precisam aprender sobre isso para entender que frequentemente os sintomas de ansiedade podem emergir de um medo de julgamento ou são apenas desencadeados de repente e querem fugir de uma situação ”.

2. Dicas para namoro on-line quando você tem ansiedade social

O namoro on-line é uma dádiva de Deus para quem sofre de ansiedade social, pois substitui as configurações em pessoa como a principal forma de encontrar um parceiro em potencial. Então, se bares, encontros e encontros rápidos não são sua cena, você está com sorte.

Dito isto, ser capaz de fazer todas essas coisas estressantes no conforto da própria casa não as torna necessariamente fáceis.

Casey Lee, MA, LPC, NCC da Rooted Hearts Counseling observa que, embora possa ser “um pouco mais fácil de namorar on-line”, você ainda deve “estar ciente de interpretar erroneamente o que a outra pessoa está comunicando porque pode estar perdendo as pistas não-verbais. você está se comunicando de uma maneira que não pode ver fisicamente a outra pessoa e ouvir o modo como ela entrega o que ela quer dizer. ”

Você também pode considerar deixar que as correspondências ou as pessoas com quem você está falando saibam sobre sua ansiedade social no início. Isso não é para todos, é claro, mas se a ideia de fazer isso faz com que você se sinta menos preocupado, então pode valer a pena.

RELACIONADOS: Como até à data, se você sofre de depressão

“Se você luta com ansiedade social e está utilizando plataformas de namoro on-line, isso pode aliviar a pressão de se revelar sobre sua ansiedade antes do primeiro encontro. Como o relacionamento começa a se construir com a comunicação on-line antes da primeira reunião, isso pode indicar por que você pode parecer um pouco reservado ou desconfortável no primeiro encontro ”, diz Pratt.

3. Dicas para ir em datas quando você tem ansiedade social

Então você está tudo pronto para ir no seu encontro. Quer você tenha participado de um aplicativo ou site de encontros ou tenha sido conhecido na vida real, provavelmente não sabe muito sobre o outro. Isso pode ser estressante até mesmo para as pessoas mais confiantes, por isso pode ser especialmente difícil se você tiver ansiedade social. Mas não entre em pânico. Em vez disso, tente se animar com uma conversa interna positiva.

Como o Dr. Sherman observa, “Seja seu próprio treinador e lembre-se de que a pessoa certa terá sorte em ter você e aceitará e apreciará você como você é.”

“Tome sua medicação (se você foi receitado algum), faça um exercício de relaxamento muscular progressivo antes para relaxar – e lembre-se de desafiar qualquer pensamento negativo em relação a julgamento ou rejeição”, acrescenta.

Pratt concorda: “Também é útil ter em mente que o namoro é naturalmente indutor de ansiedade para a maioria das pessoas, então saiba que você provavelmente não está sozinho em seu desconforto!”

“Se você luta contra a ansiedade social e está se preparando para um encontro, lembre-se de que nossas emoções são 'mais barulhentas' em nossas próprias cabeças – muitas vezes é muito evidente para nós que somos desconfortáveis, mas muito menos palpáveis ​​para outras que não são compartilhando essa mesma experiência ”, diz ela.

4. Dicas Para Falar Com Um Novo Parceiro Sobre Sua Ansiedade Social

Se você ainda não falou sobre isso nas primeiras datas, provavelmente está bom – especialmente se a outra pessoa não percebeu nada. Não há regra dizendo que você tem que tirar esse tipo de revelação do caminho no início.

“Em geral, eu diria que você pode se divertir nos primeiros encontros e não precisa falar disso imediatamente, a menos que tenha sintomas debilitantes que precisa explicar”, diz o Dr. Sherman.

Nesse caso, você provavelmente deve ser sincero sobre as coisas com eles. “Seja honesto sobre a sua condição, para que eles não tomem pessoalmente, se você se sentir ansioso ou quiser fazer uma pausa de uma situação social”, diz o Dr. Sherman. “Se eles tiverem um contexto para sua sintomatologia e tiverem sido informados, eles provavelmente entenderão.”

Independentemente disso, se você vê o potencial para coisas maiores em um relacionamento incipiente, seria bom discutir seus problemas antes que tenha decorrido muito tempo.

“Uma forma de discutir isso, digamos um mês ou seis semanas, é dizer:

‘Às vezes, sinto ansiedade social, mas estou sendo tratado por isso. Eu tomo remédios e vejo alguém para conversar [weekly or monthly]. Eu funciono bem, mas eu queria ser honesto com você e, se você perceber que estou um pouco insatisfeito, um dia eu gostaria que você soubesse que não era você e que você tivesse um contexto para isso. Eu tenho minhas próprias ferramentas para lidar com isso, então você não precisa fazer nada específico. Deixe-me saber se você tem alguma pergunta para mim sobre isso.

“Isso cria a oportunidade de ser transparente e desenvolver um relacionamento comunicativo honesto desde o início”, diz o Dr. Sherman.

RELACIONADOS: Como falar com um novo parceiro sobre problemas de saúde mental

Mesmo se você estiver se sentindo sozinho, se seu parceiro realmente se importa com você, ele estará lá para apoiá-lo. Não tenha medo de pedir ajuda se precisar.

Como Lee diz: “Se a outra pessoa for realmente uma boa pessoa para você, ela aceitará você com todas as suas falhas e imperfeições. Se você compartilhar com eles sua ansiedade social de uma forma vulnerável, você pode provocar sua empatia e experimentar amor e aceitação que podem reduzir seu medo de rejeição e sua ansiedade social. ”

Como um frio afeta sua vida sexual

Como um frio afeta sua vida sexual

Como um frio pode afetar o desempenho do seu quarto, explicado

Que nojo. Sua cabeça está abafada. Seu nariz está escorrendo. Seus olhos estão manchados e vermelhos. E o seu nível de energia é um zero enorme. Não há nada pior do que acordar não apenas do lado errado da cama, mas com um resfriado.

Os homens recebem muitas críticas por serem basicamente disfuncionais quando estão doentes, e talvez por uma boa razão, já que os sintomas semelhantes aos da gripe afetam todos os aspectos de sua personalidade e vida – assim como seu desempenho sexual. Uma vez que muitos homens ligam seu senso de ego e ego à sua capacidade de satisfazer sexualmente seu parceiro, sentir-se menos do que seu melhor pode ser difícil de administrar. Mas, considerando os inúmeros germes que giram durante essa época do ano, suas chances de contrair uma doença são altas.

Para garantir que você não tenha o melhor de você, é importante entender como o resfriado ou a gripe afetam sua libido e as melhores maneiras de fazer com que seu parceiro se sinta especial – e sexy – mesmo se você estiver sob o controle clima. Aqui, um guia de especialistas em tosse, espirro e sniffles:

1. Como os resfriados afetam o seu desejo sexual?

O especialista em sexo e educador Hunter Riley explica que quando nossos corpos não estão se sentindo bem, isso afeta cada parte de nós.

“A doença pode deixar você com pouca energia, letárgico, exausto ou simplesmente nojento. A maioria das pessoas tem dificuldade em se sentir sexy quando se sente nojenta ou está sentindo desconforto, dor, inchaço, náusea e assim por diante ”, explica ela. Quando você não consegue manter qualquer coisa baixa ou não pode passar um segundo quente sem um espirro explosivo, tentar bater no seu parceiro é definitivamente desagradável.

Outro obstáculo para a relação sexual ou brincadeira pode ser sua perspectiva mental, de acordo com a psicóloga Dra. Yvonne Thomas, Ph.D. Isso acontece porque os níveis de testosterona diminuem quando você não está bem. “Um homem pode experimentar apatia, depressão, ansiedade e / ou estresse – qualquer um ou todos os quais não são propícios para se sentir amoroso”, ela continua.

2. Como os resfriados afetam seu pênis?

Enquanto seu apetite por diversão é uma coisa, sua capacidade física de participar é outra. Riley explica que a saúde erétil pode ser complexa e depende dos seus níveis de sono, exercício, bebida, fumo e estresse, e como muitos desses fatores mudam quando você não está se sentindo bem, seus órgãos genitais serão afetados.

Além das reações a estar doente, Riley também compartilha prescrições que podem estar interferindo em seu desempenho também. Os medicamentos destinam-se a curar sua doença, mas podem tornar mais difícil enfrentar um desafio ou manter sua resistência sexual. Isso é normal – e parte do processo de curar suas doenças.

No entanto, se é menos um resfriado que soluça sua energia sexual e mais um contrato de longo prazo, convém conversar com seu médico. Como a especialista em sexo Coleen Singer explica, muitos inibidores de desejo sexual bem documentados incluem antidepressivos como Prozac e Xanax, mas medicamentos para hipertensão, drogas psicotrópicas, sedativos e opiáceos podem diminuir seu interesse sexual ou dificultar o alcance do orgasmo.

3. Dicas para ter uma ótima vida sexual quando você está doente

Embora um parceiro amoroso e solidário seja sensível à sua doença, ainda existem maneiras de criar e fomentar a intimidade à medida que você melhora. Seja conversando sobre como você se sente com pequenos sinais de apreciação por seus cuidados, considere essas ideias orientadas por especialistas na próxima vez que você tiver febre:

Diga ao seu parceiro o que você precisa

Você pode ter uma namorada ou namorado de longo prazo que quer se tornar sua enfermeira quando estiver doente: trazendo sopa para você, garantindo que você tome seu remédio e até mesmo afofe seus travesseiros. Mas se você é mais uma pessoa doente, Riley recomenda ser aberto e honesto desde o começo. Isso ajuda a evitar quaisquer argumentos ou sentimentos feridos causados ​​por uma incompatibilidade nas expectativas. “A melhor coisa que você pode fazer é comunicar claramente ao seu parceiro o que você precisa. Todo mundo é diferente, e todos nós temos necessidades diferentes em torno de como queremos ser tratados quando estamos doentes ”, explica ela.

Tome tempo para descansar

Enquanto todos nós preferimos não estar tossindo uma tempestade ou lutando contra uma dor de cabeça, quanto mais você resiste a como você se sente, pior você se sentirá. Riley recomenda realmente dar-se permissão para descansar para que você possa voltar a si mesmo novamente. Isso pode significar tirar um tempo do seu número 1 para que você possa voltar ao seu melhor tempo mais cedo. “Deixar que seu parceiro saiba que vai recuperar o sono pode ajudá-lo a entender o que é importante para o seu processo de bem-estar”, explica ela.

Se você quiser ir além, faça algo do tipo para o seu parceiro quando precisar do seu espaço, recomenda Singer. “Esta é a oportunidade perfeita para comprar um cartão-presente para seu parceiro em sua loja favorita como presente e deixá-la saber que você ficará bem em casa sozinha na cama, mas seria ótimo para ela sair e fazer um sapato ou compras de roupas ”, explica ela. “Ela certamente apreciará o esforço de sua parte ao prestar atenção às necessidades dela e às suas.”

Tente afagar Mais

Talvez você não consiga ativar sua parceira, mas você está disposta a dar de conchinha e carinho? Thomas compartilha mesmo quando um homem está lidando com a doença, eles ainda podem ser úteis e amorosos em seu relacionamento. “Você pode ser mais doce, carinhoso e carinhoso de maneiras não sexuais com o outro significativo. Afago, abraços, mãos dadas, e assim por diante, pode ser iniciado quando seu desejo sexual está baixo, mas seu amor por seus parceiros não é ”, compartilha o Dr. Thomas.

Tente não reclamar muito

Ou lamentar. Ou fazer beicinho. Ou gemido. “Muitos homens são notórios por serem mal-humorados, mal-humorados e com seus parceiros quando estão doentes”, compartilha Singer. “Não se preocupe, seu cônjuge sabe que você está doente e provavelmente tentará ser útil. Isso aumenta sua proximidade como um casal e aumenta a confiança e a intimidade a longo prazo. ”Quando você está sentindo a dor, é melhor se desculpar e lidar com os sintomas por conta própria, em vez de esperar que seu parceiro desça a encosta com você.

Considere o uso de lubrificante

Uma vez que você não é contagioso e está se recuperando, você pode estar fazendo amor gentil. A questão, no entanto, é que seu corpo ainda não alcançou seus desejos. Porque a doença muitas vezes causa desidratação, Riley recomenda a implementação de algum lubrificante em sua rotina. “Use um lubrificante sem glicerina. A glicerina pode ser pegajosa e pegajosa e pode exacerbar as infecções por fungos, que é a última coisa que alguém precisa quando está doente ”, acrescenta.

RELACIONADOS: O AskMen Guide To Lube

Peça ao seu parceiro para estar no topo

Stella Harris, educadora de intimidade, especialista em sexo e autora explica que, mesmo que você esteja em ascensão, provavelmente não estará à altura de seus níveis habituais de energia e resistência quando estiver fazendo sexo doentio. Em vez disso, ela diz para tentar se concentrar na parte de intimidade e conexão, em vez de ter o sexo mais acrobático ou os orgasmos mais alucinantes.

“Agora é um ótimo momento para deixar seu parceiro estar no topo, ou para explorar posições sexuais como colher”, explica ela. “A masturbação mútua também é uma ótima maneira de obter a conexão e os benefícios da excitação e do orgasmo, sem muita tensão física.”

Os termos de gírias na Internet que você precisa conhecer

Os termos de gírias na Internet que você precisa conhecer

Apresentando o seu guia abrangente de gíria para encontros on-line

Embora ainda nos encontremos em bares e vejamos filmes juntos, o namoro hoje seria irreconhecível para as pessoas há 10 anos; mudanças na forma como encontramos nossas datas, como as tratamos e como nos descrevemos a elas alteraram radicalmente a paisagem do namoro.

Para muitos, o namoro moderno pode parecer um campo minado de jargão técnico; a frase “Minha situação de pansexual poli me embolou, então estou comendo este lanche Eu tive uma meia-noite com o ano passado, você será minha chamada de emergência se ele quiser Netflix e relaxar?” será claro como dia para alguns e ininteligível para os outros.

Se você se encontrar na última categoria, este gigantesco glossário de 57 termos de namoro é para você.


UM ROMÂNTICO

Identidade / Celibato

Pronúncia: ay-ro-MAN-tick

O aromático é bastante raro, mas é real: uma certa parcela da população não experimenta os sentimentos de amor romântico que parecem vir naturalmente para muitos de nós. Embora isso possa parecer uma bênção ou uma maldição, dependendo de sua opinião sobre o amor, talvez o obstáculo mais significativo para as pessoas aromáticas seja simplesmente sentir-se excluído e incompreendido por uma cultura para quem namorar, amar e casar não são apenas a norma, mas a expectativa de fato para todos.

Etimologia: O prefixo “a-” traduz aproximadamente como “sem”; “romântico”, aqui, significa capaz de ter sentimentos de amor romântico

“Eu não sei o que há de errado comigo. Eu simplesmente não posso … me apaixonar.” “Você não está quebrado – talvez você seja apenas aromático!”

ASEXUAL

aka Ace

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: ay-SEK-shoo-UL

Ser assexual não especifica a quem você é atraído, ao contrário de outros termos nesta lista. Ele especifica que você não sente atração sexual. Mas isso não significa que você não pode fazer sexo – só que você não sente a necessidade da mesma maneira. Namorar uma pessoa ace? Espere conferir regularmente com eles: seus desejos e limites – da mesma forma que você faria quando namorava com alguém.

Etimologia: Sabendo que “a-” significa “sem”, tenho certeza de que não preciso lhe dizer o que “sexual” significa.

“Patrick, você está namorando o Scott? Eu pensei que ele era assexual, não gay.” “Scott é assexual e gosta de garotos! Não é mutuamente exclusivo.”

BENCHING

gif transparenteGraeme Adams

Namoro / Mover

Pronúncia: BANCO

Benching é quando você não gosta de alguém o suficiente para se comprometer em namorá-los oficialmente, mas você não quer que eles sigam em frente e encontrem outra pessoa também, então você os encordoou o suficiente para mantê-los à sua espera.

Etimologia: Você sabe quando você está em um time de futebol, mas não está realmente jogando, apenas esperando no banco até que o treinador precise de você? Sim, é a versão de namoro disso.

“Rachel só parece me mandar uma mensagem depois que eu desisti de ouvi-la. Ela definitivamente está me bancando.”

ENERGIA DO PAU GRANDE

Namoro / Identidade

Pronúncia: Pau grande EH-nur-JEE

Big dick energy, ou BDE, é algo que apenas uma pequena quantidade de pessoas possui. É a qualidade de ter suprema confiança sem precisar ser barulhenta ou controladora, um entendimento silencioso de quem você é e do que você traz para a mesa que não exige backtalk, se gabar ou B.S. Em suma, alguém com grande energia de pau é incrivelmente quente, e mais caras devem tentar imitar isso. A verdade é que você pode ter BDE não importando o tamanho do seu pênis, desde que esteja confortável com quem você é.

Etimologia: A frase foi cunhada pelo usuário do Twitter @imbobswaget em um tweet luto pela morte em junho de 2018 da personalidade da TV e do chef Anthony Bourdain. Implica que uma pessoa (ou coisa) exala a confiança que deve vir com ter um pênis grande – e a gentileza, o charme e a arrogância humildes de Bourdain eram exatamente isso.

“Porra, olhe para aquele cara ali. Ele está exalando totalmente a energia do pau grande.

BISSEXUAL

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: por-SEK-shoo-ULL

Pessoas bissexuais são atraídas por dois gêneros. Nos anos 90, dissemos que “as pessoas bissexuais são homens e mulheres”, mas sabemos um pouco mais sobre sexo e gênero do que costumávamos fazer. Balançando-se nos dois sentidos, flexível, compatível com plataformas cruzadas ou torcendo para ambas as equipes, uma pessoa bissexual pode desfrutar de sexo ou se apaixonar pelo mesmo sexo que eles mesmos ou por um gênero diferente deles mesmos. Bi pessoas podem preferir namorar um gênero e dormir com outro, mas ainda chamamos de bi.

Etimologia: Uma pessoa bissexual é como uma bicicleta; ambos compartilham o prefixo bi, o que significa dois.

“Mike, por que você se chama de bissexual? Você só namorou mulheres”. “Isso é verdade, mas eu não conheci um cara que eu queria chamar meu namorado ainda.”

BREADCRUMBING

gif transparenteGraeme Adams

Namoro / Mover

Pronúncia: PÃO-crum-ing

Breadcrumbing é quando você envia mensagens de flirty, mas não comprometedoras para uma pessoa quando você não está realmente interessado em namorá-las, mas não tem a coragem de romper as coisas com elas completamente. O breadcrumbee é amarrado por uma questão de poupar o breadcrumber um confronto.

Etimologia: Pense no fenômeno de fazer com que uma pequena criatura siga você colocando um rastro de migalhas de pão aqui, e você tem a idéia certa.

“Renée responde a cada segunda ou terceira mensagem que eu mando, mas nunca quer conhecer a IRL. Acho que ela está me sacaneando.”

RELAÇÃO CASUAL

Namoro / Tipo

Pronúncia: KAZH-oo-ull ruh-LAY-shun-navio

Em algum lugar entre f * ckbuddies e indo firme é o relacionamento casual, em que duas pessoas normalmente saem regularmente e fazem sexo, mas não participam das marcas de um relacionamento sério, como exclusividade, compromisso contínuo e passar o tempo com os amigos um do outro. e família.

Etimologia: Este é bastante simples em significado: é um relacionamento romântico que não é muito sério ou comprometido.

“Eu tenho amigos com o tipo de benefícios acontecendo com Emily, você sabe? É um relacionamento casual.”

CATFISHING

Namoro / Mover

Pronúncia: KAT-pescaria

Catfishing é um dos termos de namoro que legitimamente fez o seu caminho para o mainstream, graças ao programa de TV e filme de mesmo nome. Mensagens com alguém que está fingindo ser outra pessoa? Você está sendo catado! Essas configurações tendem a terminar mal. Mas até lá, mova sua conversa com sua paixão para o telefone / IRL / chat de vídeo de algum tipo, assim que você puder reunir. Se eles são resistentes, eles podem estar catando você.

Etimologia: O termo ganhou popularidade após o lançamento do documentário de 2010 sobre o então florescente fenômeno, Peixe-gato, mas a verdadeira razão para o nome é mais difícil de encontrar.

“Ela sempre tem uma desculpa diferente para não se encontrar comigo.” “Parece que você está sendo catado …”

CISGÉNIO

aka Cis

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: siss-JENN-der

Cisgender é um termo para pessoas que não são transgênero ou cujo gênero atribuído se alinha com seu gênero real. Mas isso não é “normal”, você poderia perguntar? Na verdade, não é, é apenas mais comum: as variações no sexo e na sexualidade são perfeitamente normais e ocorrem frequentemente na natureza (o gênero é um pouco mais complicado, pois não temos uma teoria da mente que englobe o gênero para animais não humanos). . Enquanto as pessoas cisgêneras podem superar os transgêneros, não é uma configuração padrão; é um dos muitos.

Etimologia: De cis-, que significa literalmente “deste lado de” em matemática e química orgânica.

“Então, qual é o oposto de trans, então? Normal?” “Bem, não, não é tão simples assim. Mas o termo que você está procurando é 'cis'”.

TEMPORADA DE ABASTECIMENTO

Namoro / Tipo

Pronúncia: KUFF-ing SEE-zun

A temporada de arremessos é o período entre o início do outono e o final do inverno, quando todo mundo começa a se acasalar com a pessoa mais simples, meio decente, para afastar a solidão e o frio durante os meses mais frios. A temporada de arremessos tipicamente implicava um arranjo de curto prazo, mutuamente benéfico, estritamente sazonal, e termina assim que as folhas começam a ficar verdes novamente. O termo é Inglês Vernáculo Inglês Africano (AAVE) e tem sido em torno, pelo menos, desde o início de 2010.

Etimologia: Cuffing, como em “algemar”, porque você está se acorrentando a outra pessoa – pelo menos até o inverno acabar.

“A Starbucks acabou de trazer de volta o latte de abóbora temperado, deve ser temporada de algemas!”

CURVA

Namoro / Tendência

Pronúncia: KURV

Ficando curvado está sendo rejeitado, abatido, desviado, disse não para, dissed e demitido. Sim, é uma merda. Quando você se curva, precisa de um tempo para absorver adequadamente todo o “não” que acaba de atingir você. Mas também há algo bonito em uma curva bem feita; é uma lembrança de um fracasso, grande e pequeno, que você pode carregar com você e usar para escorar ou derrubar narrativas sobre sua capacidade de conexão.

Etimologia: Uma curva é muitas vezes mais sutil do que um não (pense: seu texto é “visto”, mas não respondido), então, mesmo se doer o mesmo, ele carrega um nome que implica um redirecionamento em vez de uma rejeição total.

“Eu tentei perguntar este bebê no bar ontem à noite e ela me curvou mais forte do que eu já fui curvada em minha vida.”

ALMOFADA

gif transparenteGraeme Adams

Namoro / Mover

Pronúncia: KUSH-on-ing

Como acima, amortecimento é o processo de ficar em contato com um ou mais clientes românticos como um backup no caso de as coisas não correrem bem com o seu aperto principal. As “almofadas” são geralmente mantidas na periferia, por exemplo. mensagens de texto, em vez de cheats completos.

Etimologia: Amortecer, como em manter uma pessoa ou várias pessoas ao redor para “amortecer” o golpe se o seu relacionamento principal não der certo.

“Eu realmente gosto de Priya, mas ainda estou mandando mensagens de texto para o Sian. Sim, acho que estou protegendo.”

PAPAI

Namoro / Identidade

Pronúncia: DAH-dee

Nos últimos anos, a cultura do papai cresceu e se tornou bastante popular. Nos dias de hoje, é normal que adolescentes e vários millennials usem a palavra “papai” em um contexto sexual ou adjacente ao sexo. Você pode ligar para o papai parceiro na cama ou reconhecer as vibrações de um homem mais velho por causa de seus músculos, pêlos do corpo, pêlos faciais e sua riqueza pessoal. De qualquer forma, sim, é incestuoso, mas as pessoas falaram.

Etimologia: Da palavra “papai”, que significa pai.

“Ela continua me mandando mensagens de texto, 'sufoque-me papai'. O que diabos isso significa?”

DEMISEXUAL

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: DEH-mee-SEK-shoo-ULL

Um demisexual é uma pessoa cujo desejo sexual não está vinculado a uma atração visual ou física imediata, mas às personalidades das pessoas, uma vez que elas tenham chegado a conhecê-las. Como resultado, os demográficos são candidatos pobres para encontros de uma noite e relacionamentos casuais – o que pode fazê-los sentir-se um pouco alienados em nosso atual clima de namoro. Mas eles não são mais ou menos capazes de relacionamentos profundos e amorosos como o resto de nós, então, se você está preparado para levar as coisas devagar sexualmente, os demi-sexuais também podem ser ótimos parceiros.

Etimologia: Demi significa metade, ou parte – posicionando os demográficos entre assexuais e pessoas que normalmente experimentam o desejo sexual.

“No começo eu achava que era assexual, mas depois percebi que posso ter desejo sexual pelas pessoas … só quando as conheço de verdade!” “Parece que você pode ser demisexual.”

DM SLIDE

Namoro / Mover

Pronúncia: Slide do DEE-em

Um slide DM é quando você direciona sua mensagem usando as funções de mensagens privadas disponíveis em todas as principais redes de mídia social, por exemplo. Twitter e Instagram. Você geralmente precisa ser mútuo primeiro – ou seja. siga um ao outro – para evitar que sua mensagem acabe em uma pasta “outro”, e o deslizamento DM tende a ocorrer após alguma interação pública, por exemplo. curtindo as fotos uns dos outros ou respondendo.

Etimologia: DM significa “mensagens diretas” e “deslizar” é o processo de digitar as mensagens diretas de alguém para flertar com elas.

“Brandy acabou de postar uma selfie e está procurando AF quente! Estou prestes a deslizar nos DMs.”

CONVERSAÇÃO DE DTR

também conhecido como DTR, DTR Convo

Namoro / Tendência

Pronúncia: dee-tee-ARE con-ver-SAY-shun

Uma conversa de DTR é um momento crucial em um relacionamento: é o momento em que você discute o que você é. Você é um casal de verdade ou apenas amigos com benefícios ou uma situação de risco? O tempo é enorme aqui. Ter seu DTR muito cedo e você corre o risco de assustar a outra pessoa; tarde demais e você pode descobrir que eles estiveram casualmente namorando o tempo todo, assumindo que não era sério.

Etimologia: Não há grande mistério aqui – o DTR simplesmente significa “definir o relacionamento”.

“Já faz seis meses e eu só não sei o que somos ainda?” “Bem, você teve uma convocação DTR com ele?

BERINGELA EMOJI

Namoro / Tendência

Pronúncia: EGG-planta ee-MO-ji

Existem outros emojis sexuais – o pêssego (uma bunda deliciosa) e as gotas de água (ou umidade ou ejaculação, dependendo do seu gosto), notadamente – mas o emoji de berinjela é sem dúvida o mais sugestivo. Por quê? Bem, gotas de pêssego e água são realmente usadas em outros contextos. Mas quando foi a última vez que você precisou usar um maldito emoji de berinjela para indicar a berinjela?

Etimologia: As pessoas só notaram que o emoji de berinjela era de aparência fálica. O resto é história.

“Uau, você viu essa protuberância? Cara, eu adoraria ver seu emoji de berinjela, se você sabe o que quero dizer.”

LIGAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Namoro / Tendência

Pronúncia: eh-MUR-jun-ver KOL

Uma chamada de emergência é uma fraude que permite que você saia de uma data particularmente ruim. Se você puder dizer que a noite vai ser um desastre de trem desde os primeiros momentos (e muitas vezes você pode), mas você está realmente com medo de insultar o estranho que está sentado, uma falsa chamada de emergência de um amigo dizendo “Seu irmão está em o hospital “ou” o seu gato acabou de morrer “no início da noite pode ser um verdadeiro salva-vidas.

“Oh, Deus, obrigado por concordar em ser minha ligação de emergência na noite passada. Que data de pesadelo era essa.”

ARTIFICIAL

Namoro / Tendência

Pronúncia: Anel FIE-er DOH

Esta é a versão de namoro da porta de incêndio unidirecional – em raras ocasiões, alguém sairá de sua concha para contatá-lo, mas não responderá se você tentar entrar em contato. É uma configuração que só funciona em situações profundamente desiguais – se você está se sentindo culpado, você está constantemente se sentindo frustrado e só ocasionalmente satisfeito. Se isso está acontecendo com você, saia e feche a porta atrás de você. Há milhares de pessoas por aí que não fazem isso com você!

Etimologia: Uma porta corta-fogo é uma porta de mão única – permite que você saia (em raras ocasiões), mas nunca permite que alguém entre.

“Ela nunca responde às minhas mensagens, mas me manda mensagens às 1h da manhã? Qual é o problema?” “Parece que você está ficando furiosa, amigo.”

FRECKLING

Namoro / Mover

Pronúncia: FRECK-uh-ling

Assim como as temperaturas mais baixas trazem a temporada de algemas e o acoplamento associado, temperaturas mais altas mudam o comportamento de namoro das pessoas. Se alguém só parece interessado em você durante os meses mais quentes, pode ser um caso de sardas. Talvez eles tenham saído de um relacionamento durante a primavera e agora que é verão, você está no elenco deles. Infelizmente, eles não estão procurando por algo sério ou permanente – assim como as sardas, eles desaparecerão no outono.

Etimologia: De “sardas”, pequenas manchas de pele facial que escurecem durante o verão para algumas pessoas com pele pálida.

“Já se passaram três semanas desde que a escola começou e eu não ouvi nada … Eu acho que ela estava apenas me assustando.”

AMIGOS COM BENEFÍCIOS

também conhecido como FWB

Identidade / Namoro

Pronúncia: FRENDS com BEN-eh-fits

Amigos com benefícios é a maneira relativamente elegante de dizer que você conhece alguém e se preocupa com eles e está regularmente se envolvendo em atos sexuais com eles, mas não dentro do contexto de um relacionamento. Isso implica uma certa frouxidão de arranjo. Você provavelmente não se vê tanto quanto um casal de verdade; não conte uns aos outros todos os detalhes de suas vidas; não coloque um ao outro em formulários de contato de emergência (ou mencione um ao outro em perfis de mídia social). Isso não significa que você é um robô frio e insensível; Significa apenas que um relacionamento não é exatamente o que você quer.

“Então, o que somos? Isso é um relacionamento? Ou somos apenas amigos?” “Acho que somos amigos … com benefícios”.

F * CKBUDDIES

também conhecido como F * ckfriends

Identidade / Namoro

Pronúncia: Fuk-buh-deez

Isso não é … basicamente amigos com benefícios? Sim, sem dúvida, eles são bem parecidos. Ao mesmo tempo, porém, o uso da palavra F em um dos termos (em comparação com os “benefícios” muito eufemísticos denota um ethos sexual muito diferente. Um é o clássico, o velho mundo e abafado; o outro é grosseiro, indecente e muito presente.Então, sem dúvida, uma é para o tipo de pessoa que tem vergonha de tal acordo sexual, e uma é para pessoas que não são.ou talvez como você descreve sua configuração depende mais de quem está perguntando. !

Etimologia: F * ck significa sexo … amigos significa amigos … deve ser bem direto.

“Eu conheci essa ótima garota. Nós nos vimos muito … só por sexo, sem encontros. Somos f * ckbuddies”.

GAY

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: GAY

Este termo é um dos mais flexíveis da lista, mas, em geral, alguém que se identifica como gay é exclusivamente atraído por, ou exclusivamente namora, ou faz sexo exclusivamente com pessoas do mesmo sexo – mas é um termo Isso tem sido recuperado por muitos em todo o espectro da sexualidade – então, se você ver uma mulher estranha proclamar que ela é gay, apesar de ter namorado homens também, não é necessariamente a contradição que você pensa que é.

“Carol, você gostaria de tomar café comigo neste fim de semana?” “Claro, Jim, mas como amigos. Você sabe que sou gay, certo?”

GENDERFLUID

Identidade / Gênero

Pronúncia: JEN-der-FLOO-id

Pode ser aplicado a pessoas que se sentem fora do binário de gênero ou pode ser aplicado a pessoas que sentem que seu gênero não é fixo, mas variável – mudando de um dia para outro. Ao contrário das pessoas não-binárias, uma pessoa com influência de gênero pode identificar-se como homem e mulher, em dias diferentes, enquanto uma pessoa não-comum geralmente se identifica como nem homem nem mulher. A identidade de gênero de alguém não tem nada a ver com quem eles são atraídos, ou com o que eles se parecem no exterior, ou com o sexo físico em que nasceram. Gênero é uma concepção mental do eu, portanto, uma pessoa com fluidos de gênero pode apresentar-se como qualquer gênero ou aparência, com base em como o termo se parece para eles.

Etimologia: Gênero, como em seu gênero. Fluido, como em fluxo, não estável, móvel, mutável.

“Ei, você poderia perguntar ao Scout se eu poderia ter o número dela? Eu preciso perguntar a ela sobre essa designação química.” “Ei, amigo, eu definitivamente pedirei por você, mas você deve saber que Scout não é 'ela' – eles são” genderfluid “.

FANTASMA

gif transparenteGraeme Adams

Namoro / Mover

Pronúncia: GO-sting

Ghosting é quando você desaparece da vida de alguém porque você não está mais interessado neles, em vez de dizer diretamente a eles. É mais abrupto do que o breadcrumbing: o ghoster irá de repente parar de responder a textos e não atenderá chamadas, e o ghostee geralmente fica magoado e confuso.

Etimologia: Você sabe que os fantasmas desaparecem são conhecidos por? Isso, mas é sua paixão em vez de um poltergeist.

“Eu não estou mais sentindo Melissa, mas ela está realmente em mim. Eu acho que vou apenas fantasma-la.”

MEIO-NOITE STAND

Namoro / Tipo

Pronúncia: HAFF nite STAND

O tradicional encontro de uma noite envolve encontrar um estranho sexualmente atraente e levá-lo para casa para uma noite de sexo sem compromisso: eles saem de manhã e você não os vê novamente. Bem, a meia noite corta a parte de ficar de fora: o convidado da madrugada sai logo após o sexo terminar.

Etimologia: Uma meia-noite é de 50% de uma noite – entendeu?

“Joe era preguiçoso na cama e não me dava a cabeça, então eu saí de lá assim que ele adormeceu. Eu acho que eu tive uma meia-noite agora!”

HAUNTING

também conhecido como zumbi

Namoro / Mover

Pronúncia: HAWN-ting

A assombração ocorre quando você pensa que terminou as coisas com uma data que não deu certo – ou mesmo um relacionamento sério – mas então você percebe sinais de que seu ex está à espreita de seus feeds de mídia social, por exemplo. Eles aleatoriamente gostam de fotos antigas do Instagram ou assistem suas histórias diárias. Muitas vezes, as notificações são uma tentativa deliberada de lembrar que elas existem.

Etimologia: Esta é outra metáfora de namoro sobrenatural, mas o significado é quase o oposto do fantasma: neste caso, o ofensor persiste em vez de desaparecer.

“Adivinha quem assistiu minha história do Instagram hoje, de todas as pessoas! John! Ele está me assombrando, e é realmente assustador.”

INCEL

aka virgem

Identidade / Celibato

Pronúncia: IN-sell

Incel é um termo que se tornou popular no Reddit para descrever homens que não conseguem transar. O termo, como descritor, é duplamente degradante. Não só ninguém é atraído por incels, mas eles também têm um nome estúpido para descrevê-los. A maioria dos problemas pode ser resolvida colocando-se um esforço mínimo em ter uma aparência melhor e ter interações mais positivas com as mulheres, mas isso não é da nossa conta. O primo ligeiramente menos embaraçoso de Incel é volcel – o voluntário celibatário.

Etimologia: Incel é uma junção da frase “involuntariamente celibatário” – alguém que é sexualmente inativo, mas deseja que poderia ser.

“Ugh, eu não tive relações sexuais em quase três anos. Eu sou tão inchaço.”

KITTENFISHING

gif transparenteGraeme Adams

Namoro / Mover

Pronúncia: KIT-in-FISH-ing

Cunhado pelo aplicativo de namoro Hinge, o Kittenfishing é quando você se apresenta de uma forma positiva irreais em seus perfis de namoro online. Todos nós fazemos isso até certo ponto, mas a pesca de gatos cruza a fronteira em território desonesto: pense em fotos de perfil photoshopadas ou muito desatualizadas, ou liste “advogado” como sua ocupação quando você é realmente um estudante de direito do primeiro ano.

Etimologia: Você já sabe sobre catfishing, quando uma pessoa finge ser alguém que não está online. Bem, a pesca de gatos é a versão mais leve disso.

“Lembra daquela garota que eu estava trocando mensagens no Tinder? Bem, nós conhecemos a IRL, e ela definitivamente era uma gatinhaca.”

LEFT ON READ

Namoro / Mover

Pronúncia: VERMELHO ESQUERDO ou ESQUERDA REED

Você envia um texto para sua paixão e espera por sua resposta, tonta de excitação. Talvez você esteja convidando uma pessoa para sair ou talvez esteja apenas tentando iniciar uma conversa. Independentemente disso, ao invés de uma resposta, você simplesmente recebe um recibo de leitura. “Leia às 2:39 da tarde” Então … nada. Se você estiver assistindo à convocação como um falcão, poderá ficar indignado ao vê-los começar a digitar uma resposta e desistir. É um sentimento desmoralizante de ser deixado em leitura. Também é um bom motivo para não usar recibos de leitura.

Etimologia: A partir da frase “recibo de leitura”, uma notificação é visível em uma janela de bate-papo ou de texto quando uma pessoa vê uma mensagem, mas não a responde.

“Ele ainda está te deixando ler? Você precisa passar por cima dele o mais rápido possível.”

LOCKERING

Namoro / Mover

Pronúncia: LAH-ker-ing

Se você já experimentou alguém se livrando de você, alegando que está estudando, quando na verdade eles não estão interessados, o que você sentiu foi o bloqueio. Para namorados do ensino médio que começam a faculdade em escolas separadas, isso pode ser um prelúdio para um rompimento de Ação de Graças, mais conhecido como um depósito de peru. Como a principal característica do bloqueio é a alegação de que nada está errado, eles estão apenas se concentrando em seus estudos. Isso pode ocorrer a qualquer momento durante o período que você estiver na escola.

Etimologia: A partir da palavra “armário”, um pequeno espaço normalmente trancado para seus pertences pessoais em um grande prédio público, como uma escola.

“Por que você está sempre estudando e nunca tem tempo para recuperar o atraso? Você está me trancando?”

LGBTQ

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: ELL-jee-abelha-tee-CUE

LGBTQ significa lésbica, gay, bissexual, transgênero e queer (ou questionamento), e é um acrônimo que é usado para incluir o conjunto de diferentes comunidades de pessoas cujas sexualidades ou identidades de gênero as colocam fora do mainstream tanto historicamente como hoje. Algumas encarnações do termo incluem grupos como pessoas intersexuais, assexuais; e muitas vezes o Q final é omitido no discurso popular. No entanto, é um termo útil quando você está tentando se referir a vários grupos de pessoas que se cruzam ao mesmo tempo.

“Eu amo todos os meus amigos LGBTQ!”

AMOR BOMBAR

Namoro / Mover

Pronúncia: LUV BOM-ing

Bombardeio de amor é quando um novo parceiro mostra quantidades extremas de afeto no início e gasta energia séria em uma tentativa deliberada de conquistar você. No entanto, uma vez que você tenha se comprometido com um relacionamento com eles, o amor-bombista irá retirar todo aquele carinho e deixar suas verdadeiras e feias cores brilharem, deixando você preso em um relacionamento de pesadelo. Este não é realmente fofo: o bombardeio do amor é manipulador e abusivo.

Etimologia: Como sua contraparte literal, uma bomba de amor é impressionante e espetacular a princípio, mas, no final das contas, muito destrutiva.

“Graeme foi tão doce no começo, mas agora ele é manipulador e ciumento o tempo todo. Eu acho que ele me bombardeou.”

MICROCHEATING

Namoro / Mover

Pronúncia: MY-cro-CHEA-ting

A micro-coceira é uma forma de infidelidade que fica aquém da completa e evidente trapaça que ocorre quando uma pessoa dorme com alguém por trás do parceiro, mas é uma desonestidade e infidelidade cumulativas de baixo nível que são intoleráveis ​​em um relacionamento sério. Pense em flertes pesados, toneladas de sigilo, emojis de cara de beijo e assuntos emocionais.

Etimologia: Se você pensar em comportamentos de trapaça como se existissem em uma escala, estes estão no lado menor.

“Eu nunca peguei Imogen dormindo com mais ninguém, mas ela está constantemente flertando com outros caras e manda mensagens para todos, menos eu. Na minha opinião, ela é microcura”.

NETFLIX E FRIO

gif transparenteGraeme Adams

Namoro / Tendência

Pronúncia: NET-flicks e CHILL

Em seu início original, “Netflix and chill” era um eufemismo para uma data de estadia que levava ao sexo rapidamente. A ideia é: você convida sua paixão pela premissa de “apenas assistir um pouco de Netflix e arrepiante” e depois abandonar o filme bem cedo ou talvez nem chegar a ele, já que ficar ligado torna-se a atração principal.

“Como foi?” “Bem, eu o convidei para um pouco de Netflix e frio … você pode adivinhar o que aconteceu depois.”

NÃO BINÁRIO

Identidade / Gênero

Pronúncia: não-BYE-nuh-ree

Uma pessoa não-binária não é cisgender, eles são transgêneros. Mas nem todas as pessoas transgênero se identificam como o gênero “oposto” em que nasceram; De fato, muitos rejeitam a idéia de que existem gêneros “opostos”. Uma pessoa não-binária pode identificar-se como homem ou mulher, ou ambos, macho e fêmea, ou como um gênero tradicional em sua cultura (como o de dois espiritos ou terceiro gênero). É educado usar “eles” como um pronome padrão até que seja instruído de outra forma se você não tiver certeza sobre o sexo de alguém. Nunca assuma!

Etimologia: O prefixo não- está modificando o substantivo 'binário', anulando a ideia de que gênero existe como apenas duas opções.

“Eu pensei que Padraic era trans? Por que Padraic não quer ser chamado de 'ela'?” “Padraic é trans, mas eles são não-binários, não femme!”

RELACIONAMENTO ABERTO

Namoro / Tipo

Pronúncia: Pino de OH ruh-LAY-shun-ship

Um relacionamento aberto é um relacionamento romântico e comprometido que contém um acordo em que ambas as partes podem dormir com outras pessoas. Não é trapaça, porque ambas as partes são honestas umas com as outras e têm a mesma liberdade de se envolver em sexo com outras pessoas. Os relacionamentos abertos geralmente contêm regras e limites específicos, assim como relacionamentos monogâmicos, mas “não fazem sexo com mais ninguém, nunca!” não é um deles.

Etimologia: O oposto de um relacionamento tradicional “fechado”, um relacionamento aberto relaxa as regras da monogamia.

“Eu amo Max, mas acho que ambos nos beneficiaríamos de um pouco mais de liberdade sexual. Estou pensando em pedir-lhe um relacionamento aberto.”

PANSEXUAL

gif transparenteGraeme Adams

Identidade / Sexualidade

Pronúncia: pan-SEK-shoo-ull

Algumas pessoas, por qualquer motivo, acreditam que o termo bissexual não se aplica a elas. Talvez seja uma mulher atraída por mulheres, homens e pessoas não-binárias. Ou talvez eles sintam que sua sexualidade é muito fluida para um rótulo mais simples. Algumas pessoas adotaram pansexual porque não reforça o binário de gênero através de seu nome.

Etimologia: Pan-, significando tudo; Alguém que é atraído por todas as pessoas e sexos.

“Então você ainda é bissexual?” “Bem, desde que meu parceiro fez a transição, sinto que a palavra 'pansexual' combina comigo melhor, sabe?”

PHUBBING

Namoro / Mover

Pronúncia: FUH-bing

Você já saiu com uma data ou outra pessoa importante apenas para perceber que está prestando muita atenção em seu telefone? Isso é um caso de phubbing. É uma palavra bem feia, mas honestamente, é um ato muito feio. Com pessoas que usam a tecnologia para permanecerem em constante conexão com seus amigos e seguidores, pode ser fácil esquecer a pessoa bem na sua frente. Um phubber consistente está enviando uma mensagem, intencionalmente ou não, de que você simplesmente não é a principal prioridade, é o telefone deles.

Etimologia: Uma combinação de “telefone” e “desprezo”.

“Cara, toda vez que eu e o Mark saímos, ele está sempre no Instagram quando eu estou falando com ele. Eu me sinto tão gritada.”

CAÇA DA TORTA

Namoro / Mover

Pronúncia: TORTA HUNT-ing

Como você provavelmente pode deduzir, a caça às tortas é um fenômeno desagradável de namoro no qual uma pessoa (o “caçador”) delata deliberadamente “tortas” ou pessoas desmembradas e vulneráveis ​​com histórias de namoro confusas, que são percebidas como mais fáceis e de baixa manutenção.

Etimologia: Uma “torta” é uma pessoa com uma história de namoro desastrosa familiarizada com rejeição e desgosto. Ela vem de “pied off”, gíria britânica por ter sido levantada ou jogada fora.

“Dave só namora divorciados. Ele é um verdadeiro caçador de torta.”

POLIAMOROSO

também conhecido como Poly

Identidade / Namoro

Pronúncia: pata-lee-AM-oh-riss

In its various forms, polyamory has been a part of human culture for millennia, particularly in the form of polygamous marriages, but it's enjoying a resurgence in modern dating culture as millennials (children of divorce faced with untold levels of choice) break with monogamous tradition and begin exploring their options. It's not a free-for-all — there are still rules, and cheating does exist — but consensually dating (and loving) multiple people at once could represent the future of dating.

Etymology: Polyamorous comes from the Greek poly (many) and amor (love), meaning many loves.

“To be honest, Camille and I are thinking of experimenting with being polyamorous.”

QUEER

Identity / Sexuality

Pronunciation: KWEER

The word has been reclaimed by those communities as a positive term. 'Queer' is often treated as the 'umbrella' term under which gay men, pansexual non-binary persons, and people experimenting with their sexuality can come together under. It's a term of solidarity to foster community between sexuality-and-gender-diverse persons. Queer is one of the more amorphous terms on this list, and is used by queer persons to describe themselves. So what does it mean? Basically, 'not straight', in any flavor you like, and usually with a slightly more radical edge.

Etymology: Originally meaning 'strange', 'queer' was used for years as a slur against non-normative sexualities.

“Not gay as in happy, but queer as in 'screw off.'”

REDPILL

Identity / Celibacy

Pronunciation: RED-pill

If you decide, once and for all, that women are bad and society is set up in such a way to privilege them over men at every turn, you're completely off your rocker — but you've also had a redpill moment. You'll probably want to head to Reddit and swap stories with other incels and MGTOWs about how women are ruining your lives.

Etymology: Redpilling is named for the scene in The Matrix when Morpheus offers Neo the choice between taking a red pill and a blue pill — with the red one representing the horrifying truth and the blue, blissful ignorance.

“Yeah, my brother totally got redpilled in his first year at college. Yikes.”

ROACHING

transparent gifGraeme Adams

Dating / Move

Pronunciation: ROW-ching

Roaching is a new dating trend where people hide the fact that they're dating around from a new partner and, when confronted, claim to have simply been under the assumption that there was no implication of monogamy to begin with. In today's more poly-friendly dating culture, this is a slick tactic to shift the blame to the person confronting them, but the truth is it's both parties' responsibility to be at least baseline open about seeing other people if that's the case. Roaching, as a result, deeply messed up.

Etymology: Roaching refers to the adage that if you see one cockroach, there are a ton more that you don't see — just like this person's sneaky side-dealings.

“So it turned out he'd been seeing like, six other girls the whole time!” “Damn, Tina. You got roached.”

SAPIOSEXUAL

Identity / Dating

Pronunciation: SAY-pee-oh-SEK-shoo-ull

Perhaps most infamous for the time Tinder CEO Sean Rad confused it with the word “sodomy,” sapiosexual is a word that's gained increasing currency in recent years. Meaning someone who's turned on by a person's mind rather than physical appearance, it's a neat marriage of style and substance, as only huge nerds would dare self-identify as sapiosexuals. Not to be confused with any of the other sexualities, this isn't a clinical definition of an innate quality, merely a descriptor meant to state a preference.

Etymology: The “sapio” part comes from the Latin word “sapiens,” which means “mind.”

“What really entices me about a woman… is her mind. Yes, you could call me a sapiosexual.”

SEVERAL-NIGHT STAND

Sex / Trend

Pronunciation: SEV-rull NITE STAND

If the one-night stand was a product of the 20th century's loosening sexual mores, the several-night stand is a distinctly 21st-century invention. For people who care about someone else enough to sleep with them multiple times but not enough to take it past that, it's an arrangement that necessitates the hyper-connectedness and smorgasbörd of choice that our phones now offer us. Your drunken hookup is just a text away; but exclusivity seems foolish when your next drunken hookup might also be just a text away.

“Well, we kept on texting each other 'u up' every evening and it basically turned into a several-night stand.”

SEX INTERVIEW

Sex / Trend

Pronunciation: SECKS INN-tur-vyou

Have you ever had sex with someone before going on a real date with them? Then you've engaged in a sex interview, my friend! Sex researchers (yes, that's a real job) coined the term in 2015 to describe the practice, which is increasingly popular among millennials who are less shy about sex and more interested in weeding out incompatible lovers than so-so conversationalists. If you have high standards for sex, it makes a lot of sense — the possibility of developing real intimacy and chemistry with someone only to discover you're nothing alike in bed is a real turn-off of its own.

“So what's the deal with you and Brandon? Is that happening?” “Nah. He's still messaging me, but to be honest, he failed his sex interview.”

SITUATIONSHIP

Dating / Type

Pronunciation: SIT-chew-AY-shun-ship

In use on Black Twitter since at least 2014, a “situationship” is Facebook's “It's Complicated” relationship status come to life. Similar to a casual relationship, a situationship is a sexual relationship that stops short of constituting a serious relationship, but it's not nothing either.

Etymology: It's not a friendship, or a relationship, but something in between: it's a situationship.

“So what's the deal with you and Molly now? Are you together?” “I don't know, man. It's a situationship.”

SLOW FADE

Dating / Move

Pronunciation: SLOW fade

The slow fade is the process of ending a lackluster relationship or fling by gradually reducing contact and response times. Like a smoother version of breadcrumbing, the person doing the fading will taper off contact, like gradually turning down the volume on a song and starting a new one without anyone noticing.

Etymology: Similar to breadcrumbing, the slow fade is letting someone down gently… without actually saying so.

“I want to end things with Lee, but I can't stand the idea of hurting him. I think I'm gonna do the slow fade.”

SNACK

Identity / Dating

Pronunciation: SNAK

A snack is a babe, a honey, a stunner, a smokeshow, a jaw-dropping vision. A snack inspires DM slides and thirsty texts. A snack is a powerful force in the universe whose mere presence can cause those in proximity to them to lose their minds entirely. In short, a snack is someone so attractive, you almost want to eat them right up. Of course, some snacks are SO attractive, you have to call them a full meal. Because let's be real, Beyoncé is more than a handful of tortilla chips.

“God damn, did you see that babe who just walked by?” “Yeah, man, that girl was a snack!”

STASHING

Dating / Move

Pronunciation: STA-shing

“Stashing” is when a person won't introduce the person they're seeing to anyone in their lives, and doesn't mention their existence on social media. The “stashed” partner is kept hidden from view and stashing is a classic move of the commitment-averse.

Etymology: Stashing a partner is hiding them away from public view, like a squirrel stashing nuts in a tree.

“Maria won't introduce me to any of her friends or family. I think I'm being stashed.”

STEALTHING

Sex / Trend

Pronunciation: STELL-thing

With all the cute names, it's easy to forget sometimes that not all dating trends are created equal. Take stealthing, for example, which is just a form of sexual assault. Named for when guys surreptitiously remove a condom mid-sexual act, enabling them to finish the deed unprotected, stealthing is a horrifying reminder that consent and sexual health education are woefully lacking in modern society.

Etymology: Stealthing is necessarily a sneaky move, since it involves removing the condom and keeping it a secret.

“When we started, he was wearing a condom, but halfway through I realized he wasn't!” “Oh my God, he stealthed you?

STRAIGHT

Identity / Sexuality

Pronunciation: STRATE

Straight persons are attracted to, date, or have sex with only members of the 'opposite' gender. Some people might have crushes on the same gender as themselves, but never follow through, and still identify as straight. Sexuality is wild, man!

Etymology: Straight means heterosexual, mostly.

“I'm flattered you'd think to ask me out, Zander, but I'm straight.”

SUBMARINING

transparent gifGraeme Adams

Dating / Move

Pronunciation: sub-muh-REE-ning

Did you just get haunted, or zombied, but it felt even worse than usual? Maybe you were submarined! Submarining is when your old flame pops back up in your life after a lengthy period of silence, but rather than copping to the disappearance, simply acts as if dipping without warning is normal behavior. This person knows they have you wrapped around their finger, so why put in the effort to apologize or explain? They don't need to! If you're getting submarined, pro tip: Get out of there before the whole thing sinks.

Etymology: Submarines go underwater… and the occasionally pop back up to the surface! That's normal behavior for them.

“So after disappearing for two months, she just pops right back up!” “Damn… she submarined you!

SUMMER FLING

Dating / Type

Pronunciation: SUM-mer FLING

The counterpart to cuffing season, summer flings are casual relationships that end once the leaves start to turn brown again. Summer flings often start on vacations and end when the other person has to go home, and tend to be of the “short and sweet” variety.

Etymology: This one's not rocket science: a summer fling is a short, informal relationship over the warmer months.

“I had such a good time with Nicole in Cabo but it was definitely just a summer fling.”

SWINGER

Identity / Dating

Pronunciation: SWING-ur

The de facto term for consensually sleeping with someone outside of your marriage while your partner does the same, swinging has lost some cultural currency in recent years as millennials opt for the “poly” lifestyle instead. Still, swinging is alive and well for Gen Xers taking advantage of increasingly liberal sexual mores as society shifts slowly away from the restrictive confines of absolute monogamy and towards something a little bit more flexible.

Etymology: Swingers are people who 'swing' from one sexual partnership (their spouse) to another.

“Yeah, this married couple asked us if we wanted to come to a swingers party with them.”'

SWIPING

Dating / Trend

Pronunciation: SWHY-ping

Swiping, swiping, swiping. For some singles, it might be difficult to conceive of any other way, but it's worth remembering that swiping didn't even really exist before 2012. Unless you've been living under a rock (and if so: congratulations, you lucky duck), you'll know that swiping is the physical interaction you have with your phone (a single finger moves intentionally across a thin piece of glass covering an electronic brain) when deciding whether you're attracted to someone's profile picture or not. From Tinder it spread to Bumble and a few thousand copycat apps. It'll be replaced eventually, but until then, swiping is how we as a culture perform love — or at least our aspirations thereto.

“No plans tonight… I'm just going to stay home, re-download Tinder and swipe myself silly.”

TEXTLATIONSHIP

Dating / Trend

Pronunciation: text-LAY-shun-ship

A textlationship is a flirtatious connection between two people that works  on paper but never seems to manifest itself in practice. For whatever reason, the chemistry between two people is just better over texts. It could mean one of the two is playing the other just for the attention, rather than both parties being shy or awkward. Regardless, if the passion is there in the texts but never translates to the streets or the sheets, it’s a textlationship.

Etymology: A combination  of “text” and “relationship.”

“She’s always texting me but never wants to actually go on a date or hook up. Honestly, we might just be in a textlationship.”

THIRST TRAP

Dating / Trend

Pronunciation: THURST trap

In the natural world, spiders have webs, and millennials have thirst traps. They're intentionally sexually provocative pictures posted on social media in order to ensnare hapless scrollers-by. Often, such pictures will draw way more likes than their typical posts, as thirsty people rush to offer their likes as sacrifices to an uncaring god. These can be a great ego boost for the thirst trapper, but the high tends not to last. Then you're back on the timeline, thirst trapping again for your next fix.

Etymology: Thirst is desire, sexual or romantic, that tends to be unreturned; a trap is how you catch unsuspecting victims.

“Damn, did you see Sheila's selfie last night? That outfit was wild!” “Yep, that was a real thirst trap.”

TINDSTAGRAMMING

Dating / Move

Pronunciation: TIND-stuh-gram-ming

Tindstagramming is the process of contacting someone through Instagram's direct messaging feature after you have seen them on Tinder but not become a match. It's an annoying and generally poorly-received way of bypassing a left-swipe, and women in particular get fatigued by the messages that pile up in their “Other” folder when they link their Instagram account to their Tinder profile.

Etymology: A mashup of “Tinder” and “Instagramming,” Tindstagrammers try to make the most of both platforms.

“I have 10 new messages in my Other folder on Instagram! These Tindstagrammers won't leave me alone.”

TRANSGENDER

Identity / Gender

Pronunciation: trans-JEN-der

At birth, (even before, if you've ever been to a gender reveal party), pretty much all of us are assigned a gender, whether by our doctor, our parents, or society. Transgender or trans persons are those whose actual gender is different from the one they were assigned. Some trans people undergo surgery or take hormones to have their sex characteristics better match their gender, but not everyone does! Transgender, or trans, like queer is often an umbrella for those with diverse genders.

Etymology: Trans-, meaning across or beyond, plus gender

“So I hear Paul's cousin is transgendered now.” “Actually, she's just transgender — no 'ed' necessary!”

TURKEY DUMP

Dating / Type

Pronunciation: TUR-key DUMP

Another seasonal relationship event, turkey dumping is common among college students, many of whom are in long distance relationships with people they knew in high school or from their home towns. The turkey dump happens after one person in the relationship returns back to college after Thanksgiving and realises it's too difficult to keep things going.

Etymology: So-named because it's a breakup that occurs after the Thanksgiving break.

“I had such a good time with Jake while he was home for Thanksgiving, but he broke up with me as soon as he got back to campus. I got turkey dumped.”

UNCUFFING SEASON

Dating / Trend

Pronunciation: un-CUFF-ing SEE-sun

What sets cuffing season relationships apart from real relationships is the possibility that they came together at a specific time for a specific reason. You could link up with someone in the fall, because as it gets  cold, you want something steady and dependable so you aren’t chasing a bunch of different people all winter. As a corollary, once those conditions fall away, it makes sense that the relationships would, too. The springtime can be considered “uncuffing season” because it’s the time for people to break things off with a semi-serious cuff and venture out into a sexy and flirtatious summer.

Etymology: A variant on “cuffing season.”

“Man, how many couples have broken up in the past few weeks? Is it uncuffing season already?”

WATER DROPLETS EMOJI

Dating / Trend

Pronunciation: WAH-turr DROP-lits ee-MO-ji

After the eggplant emoji, the water droplets emoji might be the horniest one out there. One notable benefit is that it’s unisex. Depending on who you are and who you’re messaging, the droplets could be semen, female lubrication/ejaculate, or a bit of the comparatively tame (and universal) sex sweat. Regardless, throwing a couple of these into a naughty text message is a good way to visually convey the activities to come … if you will.

Etymology: Anyone who’s ever made a mess with their sexual fluids will understand.

“Can’t wait for later tonight. I’m gonna make you water droplets emoji all over the place.”


All illustrations by Graeme Adams.

Tudo o que você precisa saber sobre estar emocionalmente indisponível

Tudo o que você precisa saber sobre estar emocionalmente indisponível

Você luta para abrir em relacionamentos? Leia isso

Um homem é duro. Ele não recua, não tem medo de sujar as mãos, pode cuidar de si mesmo e sustentar os outros.

A sociedade contemporânea passou tantos anos batucando esse tipo de mensagem na cabeça dos meninos que não é de surpreender que, para muitos homens, não haja muita visão do que (ou quem) eles podem estar fora disso.

Isso é um problema quando se trata de relacionamentos, particularmente românticos, onde a franqueza, a honestidade, a comunicação e a capacidade de ser vulnerável são tão importantes.

O resultado final são gerações de homens que são chamados emocionalmente indisponíveis: não são capazes de se abrir e se dividir de verdade com os mais próximos a eles, e rapidamente descartam as reações emocionais dos outros como “loucas” ou injustificadas.

Se isso soa como você ou alguém que você conhece, continue lendo. Estar emocionalmente indisponível não é uma sentença de prisão perpétua – é algo que, com algum esforço e com a atitude certa, pode ser quebrado e conquistado.

1. O que significa estar emocionalmente indisponível?

Estar emocionalmente indisponível não é, certamente, uma implicação de que uma pessoa é incapaz de sentir emoções, mas sim que elas estão emocionalmente isoladas, pelo menos em alguns aspectos de suas vidas.

Muitas vezes é algo que é criado em um contexto de namoro, quando um homem tem dificuldade em expressar suas emoções no que ele faz e / ou diz, ou simplesmente parece não ter nenhuma emoção.

No entanto, há mais para indisponibilidade emocional do que apenas uma luta para ser romântico, adverte terapeuta e namoro e relacionamento treinador Lauren Korshak, MFT.

“Indisponibilidade emocional é uma coisa complicada, porque muitas vezes se apresenta de forma diferente do que você imagina. Um homem emocionalmente indisponível pode apresentar-se como extremamente próximo e interessado, e pode até dizer “eu te amo” ou aludi-lo ao seu parceiro em potencial “, diz Korshak.

“A indisponibilidade emocional se torna aparente quando surge algo difícil que requer comprometimento no relacionamento. Isso pode ser um primeiro ou segundo conflito ou desapontar seu parceiro profundamente ”, continua ela. “Antes que o homem emocionalmente indisponível saiba disso, ele tomou uma decisão mental de que esse relacionamento não está certo, e já está pensando que ele pode antecipar a dificuldade se separando para que ele possa encontrar alguém que não crie esse sentimento dentro de si. ele.”

“Geralmente é mais comum para os homens, porque o acesso à sua gama completa de emoções tradicionalmente tem sido treinado a partir deles”, diz Lesli Doares, consultor de casais, treinador e autor do livro, Projeto para um casamento duradouro: como criar seu feliz para sempre com mais intenção, menos trabalho.

“Os homens sabem que se eles reconhecem certos sentimentos, isso os torna feridos e / ou ridicularizados. Ao demonstrar emoção – dizer as palavras ou fazer gestos românticos – eles podem e serão rejeitados ”, explica Doares. “Em algum lugar ao longo da linha, eles aprenderam que sair do 'Man Box' não é seguro, que é melhor segurar tudo em vez de arriscar ser visto como fraco.”

Se você está se sentindo um pouquinho atacado agora, pode ser porque a indisponibilidade emocional é em grande parte algo que os homens são vistos como reprovados pelas mulheres, em vez de outros homens, para quem as paredes emocionais são a norma. O que isso pode significar é que pode ser um assunto delicado para discutir (e para os homens progredirem) se eles se sentirem atacados logo de cara.

“As mulheres, porque tradicionalmente têm permissão para acessar todas as suas emoções, parecem ser o fator determinante de se um homem está ou não disponível emocionalmente”, observa Doares. “Isso leva a que os homens sejam criticados como errados ou julgados como tendo medo de compromisso ou alguma outra forma de rotulagem. Este não é um convite para abrir mais. Tem o efeito oposto de desligá-los.

Esse não é o único problema em jogo, é claro. Como observa Julie Williamson, LPC, NCC, RPT de Abundant Life Counseling, os homens emocionalmente indisponíveis podem lutar com esse tipo de conversa especificamente por causa de suas lutas emocionais.

“Quando evitamos nossos sentimentos mais difíceis, outras emoções secundárias podem surgir. Por exemplo, se alguém sente profunda vergonha, pode sentir raiva toda vez que algo toca aquela sensação de vergonha, não importa quão pequena essa coisa seja, diz Williamson.

“Quando excluímos nossas próprias emoções mais profundas, não estamos disponíveis para nos unirmos a outras pessoas em suas próprias emoções profundas.”

2. De onde vem a indisponibilidade emocional?

Tal como acontece com muitas questões relativas aos homens e à masculinidade, de onde vem a indisponibilidade emocional é uma questão complexa, e não será a mesma para todas as pessoas. No entanto, é difícil não apontar o dedo para o modo como a cultura ocidental contemporânea ensina os meninos a serem homens.

“Muitos homens não foram criados para valorizar seus sentimentos emocionais”, diz o terapeuta Jor-El Caraballo, co-criador do Viva Wellness. “A atitude do 'homem para cima ou sacudi-lo' é desenfreada em muitas culturas, em um esforço para construir meninos e homens fortes e resistentes. O problema é que para as pessoas que são socializadas como meninos, isso é reforçado repetidas vezes com amigos, professores etc. ”

Como observa Caraballo, as socializadas como meninas recebem uma educação emocional muito diferente – e os resultados mostram isso.

“[They’re] Em geral, são dadas muito mais oportunidades para explorar suas vidas emocionais internas e compartilhar sentimentos com outras pessoas. Isso é reforçado pelas reações dos pais às lesões (meninos: sacudir com as meninas: ganhar conforto) até o tipo de brincadeira que estereotipicamente permitimos aos sexos (brincadeiras ativas para garotos como wrestling, etc., criativo / relacionamento- brincadeiras centradas – como festas de chá – para meninas). ”

O coach de vida e relacionamento Jonny Roman, do Coaching de Transformação Sustentável, concorda.

“Culturalmente falando, os homens são condicionados a acreditar que realmente há apenas uma emoção aceitável para os homens expressarem fora da alegria / felicidade: a raiva”, diz Roman. “Acredito que é porque somos condicionados a acreditar que, no mínimo, a raiva é uma demonstração de força, e a maioria das outras emoções 'negativas' ou 'amorosas' equivalem a fraqueza.”

Não tem que ser o caso, no entanto. “Felizmente”, observa Roman, “isso está mudando e evoluindo em nossa cultura hoje, mas ainda há uma equação significativa entre” mostrar emoções “e” fraqueza “que torna difícil para os homens serem mais expressivos com suas emoções. É mais culturalmente apropriado que as mulheres expressem uma gama mais ampla de emoções e, portanto, diferentes expectativas são colocadas em diferentes gêneros. ”

Se toda a sua infância é gasta tendo bons resultados intelectuais, criativos ou físicos, mas nunca há uma ênfase na inteligência emocional, faz todo o sentido que você lute com essas áreas mais tarde na vida. Afinal, eles não são apenas habilidades que aparecem magicamente.

“E se [a boy] não foi ensinado como se expressar abertamente ou se sentiu oprimido quando transmitiu uma opinião ou um desabafo emocional, que normalmente transitará para a idade adulta ”, diz Susan McCord, apresentadora do programa de namoro e relacionamento Dear SyberSue.

“Alguns homens se sentem muito expostos ao mostrar qualquer tipo de sentimento, especialmente se foram emocionalmente esmagados quando criança ou em um relacionamento anterior. Quando se trata de assuntos do coração neste tipo de cenário, conexões românticas e problemas de compromisso podem se tornar um grande problema. Ele simplesmente não sabe o que fazer.

Isso pode se manifestar de várias maneiras em sua vida. Homens emocionalmente indisponíveis muitas vezes não têm nenhum problema em se tornarem bem sucedidos em muitas áreas de suas vidas, mas lutam para estabelecer ou manter conexões genuínas quando se trata de suas vidas amorosas.

“Como resultado de nosso condicionamento, ficamos com medo de expressar e entrar em contato com nossas emoções. Nós, portanto, perdemos contato com nossas emoções e não as entendemos quando estão presentes, então ficamos com medo delas e as mantemos recheadas ou escondidas por trás da raiva, do trabalho, dos vícios e de outros comportamentos que nos permitem manter nossas emoções escondidas. Diz Romano. “Quando a pessoa que estamos namorando tenta trazê-la para fora, ela se sente muito vulnerável e desencadeia muitos medos relacionados a parecerem fracos e, como não os compreendemos completamente, é mais fácil se esconder.”

3. Se você está emocionalmente indisponível, como você pode consertar isso?

A primeira coisa que vale a pena notar é que, na medida em que a guarda emocional e a indisponibilidade são muitas vezes um mecanismo de enfrentamento – uma espécie de autodefesa emocional – que geralmente surge quando você é relativamente jovem, você não deveria se sentir culpado por isso.

“Se é você, por favor, saiba que não é algo para se sentir envergonhado ou culpado”, diz Dominey Drew, um coach e consultor de vida.

“Se você fecha suas emoções em uma idade jovem, que geralmente é quando essas coisas acontecem, você tem uma boa razão para fazê-lo. E 'razão muito boa' aqui significa muito boa razão para o seu sistema como uma criança, não para a sua mente adulta agora. Portanto, esteja ciente do auto-julgamento ou castigo ”.

Uma vez que você tenha resolvido qualquer aspecto de culpa ou vergonha, vale a pena pensar em como você pode desfazer parte do trabalho que você fez ao longo dos anos para erguer essa barricada emocional.

Para muitos caras, isso significa ir ver um profissional – um terapeuta, um psicólogo – que pode ajudá-los a lidar com a questão e a lidar com as circunstâncias (e, possivelmente, o trauma) que os levaram a esse lugar. .

Um terapeuta é “alguém que pode ajudar a dar-lhes perspectiva e ajudá-los a entender suas emoções, de modo que possam reduzir qualquer medo ou mal-entendidos de suas emoções, e se sintam mais à vontade para expressá-las”, diz Roman.

É claro que o trabalho não começa e termina na porta do consultório do terapeuta. Como observa Williamson, “também será necessária a prática de vulnerabilidade e abertura para aqueles com os quais estamos nos relacionando, a fim de desenvolver e aprofundar a conexão”.

Isso significará conversas difíceis, abrindo-se de maneiras que podem parecer desconfortáveis ​​no começo e trabalhando para agir e reagir de maneira diferente do que você esteve tão longe quando se trata da proximidade entre você e seu ente querido. Pode não ser fácil, mas se você ficar com ele, pode ser imensamente gratificante.

Seja o que for que você faça, no entanto, não confunda um parceiro acusando você de estar emocionalmente indisponível para um sinal de que ele está errado para você, necessariamente.

“A resposta não está em mudar suas circunstâncias externas (ou seja, em procurar um relacionamento melhor ou alguém que não o desencadeie), mas em fazer o trabalho interior para amadurecer e se comprometer com um relacionamento”, diz Korshak.

“Isso significa”, ela observa, “olhe honestamente para a reação emocional que surgiu dentro de você. Estude-o. Reconheça seu próprio medo de desapontar alguém e de onde isso vem, e seu próprio medo de ser abandonado se alguém estiver chateado com você. Comece a olhar e entender onde você usa a evitação como um mecanismo de enfrentamento para lidar com sentimentos complicados ”.

Como Korshak diz, a solução é ter alguma humildade sobre a situação e realmente possuir sua relação com emoção e evitação. Se você está preparado para fazer isso, a possibilidade de crescimento positivo está definitivamente lá.

“Olhe para dentro para mudar o problema e obter o suporte necessário para fazê-lo. Não olhe para o exterior para mudar algo que só pode ser resolvido olhando para dentro. Não ligue para o próximo relacionamento […] para tentar crescer até que você tenha uma melhor compreensão de si mesmo, ”Korshak adverte. “Em vez disso, faça o trabalho interior. Pode ser útil começar a terapia, participar de um grupo masculino e começar a fazer um trabalho de crescimento pessoal ”.

4. Se seu parceiro estiver emocionalmente indisponível, o que você pode fazer?

Se você tem um relacionamento de longo prazo com alguém emocionalmente indisponível – independentemente do sexo, porque os homens não são os únicos que podem se deparar com isso – isso pode estar tentando.

A questão real, no entanto, geralmente não será a indisponibilidade emocional em si, mas sim a disposição da pessoa para reconhecê-la e confrontá-la. Isso pode ser uma tarefa difícil para algumas pessoas, mas se o seu parceiro diz que elas se importam com você, trabalhar nisso juntos pode ser algo que você pede explicitamente.

Independentemente disso, suas chances de trabalhar com isso hoje provavelmente são melhores do que seriam no passado, pois uma melhor compreensão da saúde mental masculina e um conforto com coisas tradicionalmente vistas como não masculinas se tornam mais aceitas pelos homens contemporâneos.

“Tem sido minha experiência como terapeuta, especialmente à medida que os tempos estão mudando, que muitos homens querem estar emocionalmente conscientes e disponíveis, mas não têm as habilidades necessárias para isso”, diz Caraballo. “Muitos homens não têm uma compreensão diferenciada do que linguagem usar mesmo ou como a raiva pode se sentir diferente do que aborrecimento ou frustração.”

É por isso que é importante ter certeza de que você não é crítico ao confrontar os problemas emocionais de seu parceiro, mas tente reconhecer isso como algo com o qual eles lutam e precisam de ajuda, em vez de uma falha de caráter.

“O passo mais importante é criar um espaço seguro para que esses sentimentos sejam expressos verbalmente a outra pessoa. Se você quer ajudar seu parceiro, sua abordagem é fundamental ”, diz Doares.

“Fazer perguntas abertas em um tom sem julgamento é importante”, ela aconselha. “Deixe seu parceiro definir o ritmo. Gerencie suas próprias emoções, especialmente as mais difíceis, como desapontamento ou frustração. Esteja disposto a modelar o que parece estar emocionalmente disponível. Além disso, esteja disposto a aceitar que seu parceiro fará isso de maneira diferente de você. ”

É importante notar também que os homens não são os únicos que projetam confinar os ideais de gênero aos homens – às vezes, as mulheres também o fazem. Se você é uma mulher namorando um homem, Roman diz, pode haver coisas que você pode fazer para ajudar no crescimento do seu parceiro.

“Verifique com você mesmo: Você tem duas expectativas deles? Muitas vezes, uma mulher quer que seu homem esteja emocionalmente disponível e forte ao mesmo tempo ”, diz Roman. “E às vezes, eles podem estar enviando mensagens diferentes para o homem, como: 'Tudo bem estar vulnerável, mas é melhor você ser forte e me proteger e não mostrar nenhuma fraqueza em fazer isso'. Pode ser confuso para os homens receberem aqueles mensagens porque são muitas vezes subliminares e inconscientes ”.

RELACIONADOS: O que você deve saber sobre terapia de casais

Em qualquer caso, independentemente de como vocês dois lidam com isso entre você, como administrar sua própria indisponibilidade emocional, ajudar alguém a lidar com o deles é geralmente melhor alcançado com a ajuda de terapia ou aconselhamento. Falar com alguém que é profissional nesses assuntos pode fazer uma grande diferença, seja como casal ou como seu parceiro vendo alguém sozinho.

“Isso geralmente é difícil para alguns homens e eles preferem ficar em negação do que admitir a necessidade de qualquer tipo de ajuda profissional”, diz McCord. No entanto, “Estar emocionalmente disponível é tão importante em um relacionamento de longo prazo, e uma forte comunicação é a cola para manter um casal conectado”.

Como encontrar um relacionamento em 2019

Como encontrar um relacionamento em 2019

Seis Pro Dicas para (finalmente) encontrar um relacionamento este ano

Um novo ano é uma excelente oportunidade – uma ficha limpa, um novo começo, uma página em branco. Claro, é exatamente a mesma vida que você estava levando antes com um número diferente no calendário, mas a retomada que sugere é simbólica: você pode aproveitar isso como uma oportunidade para abordar as coisas com uma nova mentalidade.

Muitas pessoas enfrentam um novo ano procurando atingir metas concretas que as tornarão mais felizes – perder peso, beber ou fumar menos, ir a novos lugares, concluir projetos pessoais. E tudo isso é bom, mas são coisas que estão mais ou menos dentro do controle de uma pessoa. É por isso que você tende a não ver muitas pessoas resolvendo, digamos, entrar em um relacionamento em 2019.

RELACIONADO: Novas relações que você não deve saber sobre

Como começar um romance envolve a participação (com entusiasmo!) De outra pessoa, não está totalmente sob o seu controle. Mas também vale a pena considerar as muitas maneiras pelas quais entrar em um relacionamento está sob seu controle. Ou seja, há coisas que você pode fazer para afetar a facilidade de encontrar um parceiro romântico. Se você tem lutado com isso ultimamente, continue lendo. Com a atitude certa, 2019 poderia ser o seu ano.

1. Trabalhe em você mesmo

Isso pode significar levar sua aptidão física mais a sério, trabalhar em seu guarda-roupa e rotina de cuidados pessoais, cultivar seus talentos e interesses, ou (fique comigo aqui) indo para a terapia. Seja o que for que você faça, se estiver trabalhando para se tornar a melhor versão de si mesmo, criará confiança e as pessoas começarão a perceber mais e pensar em você de maneira diferente.

É verdade que nem todo mundo tem charme, dinheiro, boa aparência ou outras qualidades estereotipadas que muitos homens acham que precisam para encontrar alguém, mas também é verdade que, se você não se sente amado, não é atraente ou simplesmente não se mata, é importante lembrar que o que você é agora não é um estado permanente e que os gostos de todos são diferentes.

Seja qual for o ângulo que você escolher para trabalhar (e você pode escolher vários), não há muito mais atraente do que um cara com a humildade de reconhecer seus defeitos e a ambição de melhorar a si mesmo.

2. Pense em como você aborda as mulheres

Se você não está interessado em namorar mulheres, provavelmente você pode pular esta seção, mas para os muitos caras que estão lá, essa é uma informação crucial: muitas mulheres acham que os homens que não os respeitam são um grande problema.

Se você colocar algum trabalho para verificar – e talvez mudar – sua percepção das mulheres e tratá-las como seres humanos que merecem direitos iguais e serem levados a sério, você ficaria surpreso com o quanto mais fácil será encontrar alguém que quer estar em um relacionamento com você. Tente conversar com mulheres que você conhece ou está próximo de suas experiências com sexismo e homens misóginos. Tente ler livros ou conselhos on-line sobre como ser uma feminista melhor e colocar em prática o que você aprende. Você será grata – e as mulheres com quem você vai sairão.

3. Inscreva-se para um site de namoro ou App

Isso pode ser difícil, mas, falando sério, se você não estiver inscrito em um site de namoro on-line ou aplicativo de qualquer tipo, estará fazendo suas chances de encontrar um relacionamento com um imenso desserviço.

Durante a última década ou duas, o namoro online disparou em termos de popularidade, e hoje em dia é muito mais provável que você encontre uma data por meios digitais do que, digamos, perguntando para a gracinha que encontrou na mercearia para jantar .

Se você está realmente procurando um relacionamento em 2019, inscreva-se em pelo menos uma opção de encontros on-line. Se você é cauteloso com os aplicativos orientados a conexões, como o Tinder ou o Grindr, há muitos sites personalizados para basicamente todos os interesses, categoria demográfica e nicho de subcultura existentes.

4. Coloque-se lá fora

Se você é tímido quando se trata de namoro, defina uma meta e faça sua vontade de bater nela. Seja passando direto para mais pessoas, enviando mais mensagens para outras pessoas ou pedindo mais para as pessoas, você deve filmar para conseguir mais.

RELACIONADO: Top 10 Idéias de Primeiro Encontro Indivíduos solteiros devem memorizar

Oportunidades para estar em relacionamentos resultam de fazer conexões, e se você não está fazendo as coisas básicas como dizer: “Ei, vamos ver um filme” ou “Quer pegar bebidas?” Você pode nunca acabar em um ponto onde você tenha a conversa “Vamos ser exclusivos”.

5. Seja honesto sobre seus sentimentos

Talvez a coisa que o impede de ter sucesso seja o fato de você não ter tentado. Este é um tiro longo, mas se você tem uma queda por ter medo de pedir, talvez seja hora de tentar e ser honesto com seus sentimentos.

É fácil se encontrar preso em um ciclo de “Agora não é a hora certa para isso”, mas a verdade é que, se você realmente quer fazer algo acontecer com alguém, é melhor filmar.

RELACIONADO: Os benefícios secretos da zona de amigos A maioria dos caras não sabe sobre

Faça 2019 o ano que você descobrir se sua paixão gosta de você de volta. É uma vitória / vitória – ou eles ganham ou não, mas você não está mais preso a um estado emocional de animação suspensa (também ganha) e pode começar a seguir em frente e encontrar alguém novo.

6. Não tema a falha

Em sua essência, lutando para encontrar um relacionamento muitas vezes envolve o medo do fracasso. Se você ignorou todo o conselho acima (sem julgamento), leve isso a sério: tente ao máximo não deixar que o medo do fracasso impeça você de buscar a felicidade.

Muitas pessoas se contentam em passar pela vida sem perseguir seus sonhos porque temem tentar e falhar mais do que nunca tentar. Se o seu objetivo na vida é nunca compartilhar momentos lindos de amor e paixão, então tudo bem! Você é você

Mas se você está fingindo que está bem em ficar sozinho porque é mais fácil do que tentar encontrar alguém e ser abatido, você está fazendo um imenso desserviço. Seja o que for preciso, lembre-se e repita para si mesmo: “2019 é o ano em que tento encontrar um relacionamento.” Claro, você pode falhar. Você pode se ver lendo um artigo como este daqui a um ano. Mas não será por falta de tentativas.

Você também pode cavar:

Tudo o que você precisa saber sobre estar emocionalmente indisponível

Tudo o que você precisa saber sobre estar emocionalmente indisponível

Você luta com a conexão em relacionamentos? Pode ser este problema

Um homem é duro. Ele não recua, não tem medo de sujar as mãos, pode cuidar de si mesmo e sustentar os outros.

A sociedade contemporânea passou tantos anos batucando esse tipo de mensagem na cabeça dos meninos que não é de surpreender que, para muitos homens, não haja muita visão do que (ou quem) eles podem estar fora disso.

Isso é um problema quando se trata de relacionamentos, particularmente românticos, onde a franqueza, a honestidade, a comunicação e a capacidade de ser vulnerável são tão importantes.

O resultado final são gerações de homens que são chamados emocionalmente indisponíveis: incapazes de se abrir e de se dividir de verdade com os mais próximos a eles, e rápidos em rejeitar as reações emocionais dos outros como “loucas” ou injustificadas.

Se isso soa como você ou alguém que você conhece, continue lendo. Estar emocionalmente indisponível não é uma sentença de prisão perpétua – é algo que, com algum esforço e com a atitude certa, pode ser quebrado e conquistado.

1. O que significa estar emocionalmente indisponível?

Estar emocionalmente indisponível não é, certamente, uma implicação de que uma pessoa é incapaz de sentir emoções, mas sim que elas estão emocionalmente isoladas, pelo menos em alguns aspectos de suas vidas.

Muitas vezes é algo que é criado em um contexto de namoro, quando um homem tem dificuldade em expressar suas emoções no que ele faz e / ou diz, ou simplesmente parece não ter nenhuma emoção.

No entanto, há mais para indisponibilidade emocional do que apenas uma luta para ser romântico, adverte terapeuta e namoro e relacionamento treinador Lauren Korshak, MFT.

“Indisponibilidade emocional é uma coisa complicada, porque muitas vezes se apresenta de forma diferente do que você imagina. Um homem emocionalmente indisponível pode apresentar-se como extremamente próximo e interessado, e pode até dizer “eu te amo” ou aludi-lo ao seu parceiro em potencial “, diz Korshak.

“A indisponibilidade emocional se torna aparente quando surge algo difícil que requer comprometimento no relacionamento. Isso pode ser um primeiro ou segundo conflito ou desapontar seu parceiro profundamente ”, continua ela. “Antes que o homem emocionalmente indisponível saiba, ele tomou uma decisão mental de que esse relacionamento não está certo, e já está pensando que ele pode antecipar a dificuldade ao se separar para que ele possa encontrar alguém que não crie esse sentimento dentro de si. ele.”

“Geralmente é mais comum para os homens, porque o acesso à sua gama completa de emoções tradicionalmente tem sido treinado a partir deles”, diz Lesli Doares, consultor de casais, treinador e autor do livro, Projeto para um casamento duradouro: como criar seu feliz para sempre com mais intenção, menos trabalho.

“Os homens sabem que se eles reconhecem certos sentimentos, isso os torna feridos e / ou ridicularizados. Ao demonstrar emoção – dizer as palavras ou fazer gestos românticos – eles podem e serão rejeitados ”, explica Doares. “Em algum lugar ao longo da linha, eles aprenderam que sair do 'Man Box' não é seguro, que é melhor segurar tudo em vez de arriscar ser visto como fraco.”

Se você está se sentindo um pouquinho atacado agora, pode ser porque a indisponibilidade emocional é em grande parte algo que os homens são vistos como reprovados pelas mulheres, em vez de outros homens, para quem as paredes emocionais são a norma. O que isso pode significar é que pode ser um assunto delicado para discutir (e para os homens progredirem) se eles se sentirem atacados logo de cara.

“As mulheres, porque tradicionalmente têm permissão para acessar todas as suas emoções, parecem ser o fator determinante de se um homem está ou não disponível emocionalmente”, observa Doares. “Isso leva a que os homens sejam criticados como errados ou julgados como tendo medo de compromisso ou alguma outra forma de rotulagem. Este não é um convite para abrir mais. Tem o efeito oposto de desligá-los.

Esse não é o único problema em jogo, é claro. Como observa Julie Williamson, LPC, NCC, RPT de Abundant Life Counseling, os homens emocionalmente indisponíveis podem lutar com esse tipo de conversa especificamente por causa de suas lutas emocionais.

“Quando evitamos nossos sentimentos mais difíceis, outras emoções secundárias podem surgir. Por exemplo, se alguém sente profunda vergonha, pode sentir raiva toda vez que algo toca aquela sensação de vergonha, não importa quão pequena essa coisa seja, diz Williamson.

“Quando excluímos nossas próprias emoções mais profundas, não estamos disponíveis para nos unirmos a outras pessoas em suas próprias emoções profundas.”

2. De onde vem a indisponibilidade emocional?

Tal como acontece com muitas questões relativas aos homens e à masculinidade, de onde vem a indisponibilidade emocional é uma questão complexa, e não será a mesma para todas as pessoas. No entanto, é difícil não apontar o dedo para o modo como a cultura ocidental contemporânea ensina os meninos a serem homens.

“Muitos homens não foram criados para valorizar seus sentimentos emocionais”, diz o terapeuta Jor-El Caraballo, co-criador do Viva Wellness. “A atitude de 'homem para cima ou sacudi-lo' é desenfreada em muitas culturas, em um esforço para construir meninos e homens fortes e resistentes. O problema é que para as pessoas que são socializadas como meninos, isso é reforçado repetidas vezes com amigos, professores etc. ”

Como observa Caraballo, as socializadas como meninas recebem uma educação emocional muito diferente – e os resultados mostram.

“[They’re] Em geral, são dadas muito mais oportunidades para explorar suas vidas emocionais internas e compartilhar sentimentos com outras pessoas. Isso é reforçado pelas reações dos pais às lesões (meninos: sacudir com as meninas: ganhar conforto) até o tipo de brincadeira que estereotipicamente permitimos aos sexos (brincadeiras ativas para garotos como wrestling, etc., criativo / relacionamento- brincadeiras centradas – como festas de chá – para meninas). ”

O coach de vida e relacionamento Jonny Roman, do Coaching de Transformação Sustentável, concorda.

“Culturalmente falando, os homens são condicionados a acreditar que realmente há apenas uma emoção aceitável para os homens expressarem fora da alegria / felicidade: a raiva”, diz Roman. “Acredito que é porque somos condicionados a acreditar que, no mínimo, a raiva é uma demonstração de força, e a maioria das outras emoções 'negativas' ou 'amorosas' equivalem a fraqueza.”

Não tem que ser o caso, no entanto. “Felizmente”, observa Roman, “isso está mudando e evoluindo em nossa cultura hoje, mas ainda há uma equação significativa entre” mostrar emoções “e” fraqueza “que torna difícil para os homens serem mais expressivos com suas emoções. É mais culturalmente apropriado que as mulheres expressem uma gama mais ampla de emoções e, portanto, diferentes expectativas são colocadas em diferentes gêneros. ”

Se toda a sua infância é gasta tendo bons resultados intelectuais, criativos ou físicos, mas nunca há uma ênfase na inteligência emocional, faz todo o sentido que você lute com essas áreas mais tarde na vida. Afinal, eles não são apenas habilidades que aparecem magicamente.

“E se [a boy] não foi ensinado como se expressar abertamente ou se sentiu oprimido quando transmitiu uma opinião ou um desabafo emocional, que normalmente transitará para a idade adulta ”, diz Susan McCord, apresentadora do programa de namoro / relacionamento Dear SyberSue.

“Alguns homens se sentem muito expostos ao mostrar qualquer tipo de sentimento, especialmente se foram emocionalmente esmagados quando criança ou em um relacionamento anterior. Quando se trata de assuntos do coração neste tipo de cenário, conexões românticas e problemas de compromisso podem se tornar um grande problema. Ele simplesmente não sabe o que fazer.

Isso pode se manifestar de várias maneiras em sua vida. Homens emocionalmente indisponíveis muitas vezes não têm nenhum problema em se tornarem bem sucedidos em muitas áreas de suas vidas, mas lutam para estabelecer ou manter conexões genuínas quando se trata de suas vidas amorosas.

“Como resultado de nosso condicionamento, ficamos com medo de expressar e entrar em contato com nossas emoções. Nós, portanto, perdemos contato com nossas emoções e não as entendemos quando estão presentes, então ficamos com medo delas e as mantemos recheadas ou escondidas por trás da raiva, do trabalho, dos vícios e de outros comportamentos que nos permitem manter nossas emoções escondidas. Diz Romano. “Quando a pessoa que estamos namorando tenta trazê-la para fora, ela se sente muito vulnerável e desencadeia muitos medos relacionados a parecerem fracos e, como não os compreendemos completamente, é mais fácil se esconder.”

3. Se você está emocionalmente indisponível, como você pode consertar isso?

A primeira coisa que vale a pena notar é que, na medida em que a guarda emocional e a indisponibilidade são muitas vezes um mecanismo de enfrentamento – uma espécie de autodefesa emocional – que geralmente surge quando você é relativamente jovem, você não deveria se sentir culpado por isso.

“Se é você, por favor, saiba que não é algo para se sentir envergonhado ou culpado”, diz Dominey Drew, um coach e consultor de vida.

“Se você fecha suas emoções em uma idade jovem, que geralmente é quando essas coisas acontecem, você tinha uma boa razão para fazê-lo. E 'razão muito boa' aqui significa muito boa razão para o seu sistema como uma criança, não para a sua mente adulta agora. Portanto, esteja ciente do auto-julgamento ou castigo ”.

Uma vez que você tenha resolvido qualquer aspecto de culpa ou vergonha, vale a pena pensar em como você pode desfazer parte do trabalho que você fez ao longo dos anos para erguer essa barricada emocional.

Para muitos rapazes, isso significa ir ver um profissional – um terapeuta, um psicólogo – que pode ajudá-los a lidar com a questão, bem como a lidar com as circunstâncias (e, possivelmente, o trauma) que os levaram a esse lugar. .

Um terapeuta é “alguém que pode ajudar a dar-lhes perspectiva e ajudá-los a entender suas emoções, de modo que possam reduzir qualquer medo ou mal-entendidos de suas emoções, e se sintam mais à vontade para expressá-las”, diz Roman.

É claro que o trabalho não começa e termina na porta do consultório do terapeuta. Como observa Williamson, “também será necessário praticar a vulnerabilidade e se abrir para aqueles com os quais estamos em relacionamentos, a fim de desenvolver e aprofundar a conexão”.

Isso significará conversas difíceis, abrindo-se de maneiras que podem parecer desconfortáveis ​​no início e trabalhando para agir e reagir de maneira diferente do que você esteve até agora quando se trata da proximidade entre você e seu ente querido. Pode não ser fácil, mas se você ficar com ele, pode ser imensamente gratificante.

Seja o que for que você faça, no entanto, não confunda um parceiro acusando você de estar emocionalmente indisponível para um sinal de que ele está errado para você, necessariamente.

“A resposta não está em mudar suas circunstâncias externas (ou seja, em procurar um relacionamento melhor ou alguém que não o desencadeie), mas em fazer o trabalho interior para amadurecer e se comprometer com um relacionamento”, diz Korshak.

“Isso significa”, ela observa, “olhe honestamente para a reação emocional que surgiu dentro de você. Estude-o. Reconheça seu próprio medo de desapontar alguém e de onde isso vem, e seu próprio medo de ser abandonado se alguém estiver chateado com você. Comece a olhar e entender onde você usa a evitação como um mecanismo de enfrentamento para lidar com sentimentos complicados ”.

Como Korshak diz, a solução é ter alguma humildade sobre a situação e realmente possuir sua relação com emoção e evitação. Se você está preparado para fazer isso, a possibilidade de crescimento positivo está definitivamente lá.

“Olhe para dentro para mudar o problema e obter o suporte necessário para fazê-lo. Não olhe para o exterior para mudar algo que só pode ser resolvido olhando para dentro. Não ligue para o próximo relacionamento […] para tentar crescer até que você tenha uma melhor compreensão de si mesmo, ”Korshak adverte. “Em vez disso, faça o trabalho interior. Pode ser útil começar a terapia, participar de um grupo masculino e começar a fazer um trabalho de crescimento pessoal ”.

4. Se seu parceiro estiver emocionalmente indisponível, o que você pode fazer?

Se você tem um relacionamento de longo prazo com alguém emocionalmente indisponível – independentemente do sexo, porque os homens não são os únicos que podem se deparar com isso – isso pode estar tentando.

A questão real, no entanto, geralmente não será a indisponibilidade emocional em si, mas sim a disposição da pessoa para reconhecê-la e confrontá-la. Isso pode ser uma tarefa difícil para algumas pessoas, mas se o seu parceiro diz que elas se importam com você, trabalhar nisso juntos pode ser algo que você pede explicitamente.

Independentemente disso, suas chances de trabalhar com isso hoje são provavelmente melhores do que seriam no passado, pois uma melhor compreensão da saúde mental masculina e um conforto com coisas tradicionalmente vistas como não masculinas se tornam mais aceitas pelos homens contemporâneos.

“Tem sido minha experiência como terapeuta, especialmente à medida que os tempos estão mudando, que muitos homens querem estar emocionalmente conscientes e disponíveis, mas não têm as habilidades necessárias para isso”, diz Caraballo. “Muitos homens não têm uma compreensão diferenciada do que linguagem usar mesmo ou como a raiva pode se sentir diferente do que aborrecimento ou frustração.”

É por isso que é importante ter certeza de que você não é crítico ao confrontar os problemas emocionais de seu parceiro, mas tente reconhecer isso como algo com o qual eles lutam e precisam de ajuda, em vez de uma falha de caráter.

“O passo mais importante é criar um espaço seguro para que esses sentimentos sejam expressos verbalmente a outra pessoa. Se você quer ajudar seu parceiro, sua abordagem é fundamental ”, diz Doares.

“Fazer perguntas abertas em um tom sem julgamento é importante”, ela aconselha. “Deixe seu parceiro definir o ritmo. Gerencie suas próprias emoções, especialmente as mais difíceis, como desapontamento ou frustração. Esteja disposto a modelar o que parece estar emocionalmente disponível. Além disso, esteja disposto a aceitar que seu parceiro fará isso de maneira diferente de você. ”

É importante notar também que os homens não são os únicos que projetam confinar os ideais de gênero aos homens – às vezes, as mulheres também o fazem. Se você é uma mulher namorando um homem, Roman diz, pode haver coisas que você pode fazer para ajudar no crescimento de seu parceiro.

“Verifique com você mesmo: Você tem duas expectativas deles? Muitas vezes, uma mulher quer que seu homem esteja emocionalmente disponível e forte ao mesmo tempo ”, diz Roman. “E às vezes, eles podem estar enviando mensagens diferentes para o homem, como: 'Tudo bem estar vulnerável, mas é melhor você ser forte e me proteger e não mostrar nenhuma fraqueza em fazer isso'. Pode ser confuso para os homens receberem aqueles mensagens porque são muitas vezes subliminares e inconscientes ”.

RELACIONADOS: O que você deve saber sobre terapia de casais

Em qualquer caso, independentemente de como vocês dois lidam com isso entre você, como administrar sua própria indisponibilidade emocional, ajudar alguém a lidar com o deles é geralmente melhor alcançado com a ajuda de terapia ou aconselhamento. Falar com alguém que é profissional nesses assuntos pode fazer uma grande diferença, seja como casal ou como seu parceiro vendo alguém sozinho.

“Isso geralmente é difícil para alguns homens e eles preferem ficar em negação do que admitir a necessidade de qualquer tipo de ajuda profissional”, diz McCord. No entanto, “Estar emocionalmente disponível é tão importante em um relacionamento de longo prazo, e uma forte comunicação é a cola para manter um casal conectado”.

Como dizer a ela que ela te machucou

Como dizer a ela que ela te machucou

Como dizer a ela que ela te machucou (sem transformá-la em uma luta de nível nuclear)

Não é fácil dizer a alguém – qualquer pessoa – que você o machucou. É ainda menos fácil quando é sua namorada e você está preocupado que possa parecer sensível ou fraco! É perfeitamente normal que os homens experimentem sentimentos feridos no curso de um relacionamento de longo prazo, por várias razões. Mas o fato de não termos roteiros culturais para isso em filmes ou TV pode tornar isso uma conversa extra difícil.

Não tenha medo: temos algumas dicas sobre como fazer isso da maneira mais tranquila possível. Todo mundo é capaz de ferir e se machucar: o que distingue adultos de crianças é que o primeiro deve ser capaz de lidar com isso com graça.

1. Não minimize seu dano – Endereça tudo na frente

“Eu queria ser honesto com você. Estou pensando em [X thing that you did]. Eu estou magoado com isso. Eu me sinto triste.”

Esse tipo de admissão vulnerável pode ser assustador como o inferno, mas é por isso que é importante. Não varra o problema embaixo da mesa ou use-o como se fosse um problema menor. Se você foi ferido por algo que seu parceiro fez e você finge que não, isso vai apodrecer dentro de você e causar ressentimento (que pode irromper em raiva mais tarde). Você quer que sua namorada aja como se as coisas estivessem bem quando não estavam ? Não, então não faça você mesmo.

RELACIONADOS: Cinco maneiras de se comunicar com as mulheres

Diga a ela de maneira simples e clara como você está se sentindo. Isso a tornará muito mais compreensiva e menos provável que ela fique na defensiva! Em vez de acusá-la, use declarações sobre suas próprias emoções (“Estou sentindo”) para neutralizar qualquer tensão na conversa. Isso reformula a discussão (de suas próprias ações para as conseqüências dessas ações).

2. Explique por que está incomodando você

“Quando você me comparou ao seu ex, isso me fez sentir insegura – como se eu não fosse boa o suficiente. Eu continuo pensando sobre isso porque me faz sentir que você não está tão feliz comigo como estava com ele.”

Lembre-se, ela provavelmente não tinha intenção de ferir você – ela provavelmente estava sendo descuidada e não tinha ideia de como suas palavras iriam pousar! Então, como ela entenderia a menos que você dividisse para ela?

Explique para que ela saiba onde errou e para que ela não faça de novo. Seja paciente – sim, você pode se sentir bobo ao explicar, mas é sempre melhor fornecer contexto e esclarecimentos. Seus sentimentos são válidos, não importa o que aconteça, mas ajuda se você puder explicar por que eles existem.

3. Não generalize

Resista à tentação de dizer “Você sempre faz X” ou “Você é uma pessoa prejudicial”. A generalização é um hábito difícil de quebrar, mas, nesse caso, é inútil. Tudo o que você está fazendo é antagonizar ela! Ela tem que baixar a guarda, e isso não vai acontecer se você fizer declarações abrangentes sobre seu mau comportamento ou tendência geral para ferir seus sentimentos. Se ela não for uma infratora reincidente, evite caracterizar dessa maneira.

Mantê-lo ao específico. “Naquela noite, quando você fofocou sobre nós para seus amigos – isso me incomodou.” Dessa forma, você tem um problema para ela se referir a: Isso é algo que ela não pode refutar. Ela tem que lidar com isso de maneira justa; Este é um resultado muito melhor do que vocês dois entrando em um jogo de gritos.

4. Não fique com raiva se ela é defensiva

“O que você quer dizer com você não acha que fez algo errado? Você estragou tudo. Você agiu como uma pessoa terrível. Como você pode ter zero accountability?

A maioria das pessoas é muito, muito resistente à ideia de que elas são capazes de causar mágoa, especialmente se não pretendem. Digamos que você a enfrente, e ela não se desculpa imediatamente e cai aos seus pés implorando por perdão. (Seria estranho se ela fizesse isso!)

Fique calmo. Não enlouqueça. Você está bem aqui e pode ajudá-la a ver isso pouco a pouco. Se você ficar com raiva, perder a calma e transformar a conversa em uma grande briga de relacionamento, você está essencialmente desfazendo todo o seu bom trabalho. Sua raiva não a tornará mais simpática à sua causa, lembre-se!

“Eu entendo que você não acha que fez nada de errado. Mas ainda me machuquei e sua intenção não altera o impacto do que aconteceu. Espero que você possa ver isso.

Esta é uma excelente maneira de enquadrá-lo. Ao apontar para ela que a intenção não diminui o impacto, você a refuta logicamente sem ficar vermelho na cara ou gritar. Se você colocá-lo desta maneira, ela estará muito mais aberta para ver (e esperançosamente admitir!) Seus erros.

5. Finalmente, dê-lhe um caminho a seguir

“Eu não sei para onde vamos a partir daqui, mas estou confiante de que podemos descobrir isso. Eu te amo, e eu te disse isso porque eu nunca mais quero me machucar assim novamente. Por favor, pense sobre isso e vamos tentar ser mais cuidadosos com os sentimentos um do outro. ”

Não é o suficiente para dizer que ela te machucou. O que você quer? Onde você vê isso acontecendo? Se você quer que ela faça as pazes, ótimo. Diga-lhe isso, mas diga-lhe gentilmente e termine com uma nota positiva.

Diante de más notícias, as pessoas buscam maneiras de lidar: o que elas podem fazer para mitigar a situação? Que ação concreta eles podem tomar? Se você oferecer a ela alguns exemplos de ações concretas – “Vamos prometer não dizer coisas negligentes / casualmente prejudiciais para o outro” – ela se sentirá muito mais tranqüila e provavelmente seguirá seu exemplo. Seu relacionamento só será mais forte por isso. Boa sorte!

Erros comuns no namoro online – AskMen

Common Online Dating Mistakes

Nove erros on-line namoro Millennial Guys fazer muito, revelado

Bem-vindo à era do namoro online. Estamos falando de aplicativos de namoro, estamos falando de mídia social, estamos falando de geração do milênio. Não há vergonha alguma nisso, porque todo mundo faz isso agora. Você pode estar à procura de sexo, um caso casual, um relacionamento sério, ou mesmo apenas amizade.

Infelizmente, apesar da popularidade do namoro on-line com sua geração, os homens do milênio geralmente são muito ruins nisso. Eu quero passar por alguns dos erros que eu testemunhei eles fazendo online, para que você não cometa os mesmos erros em sua vida.

Ou, se você recentemente foi desligado ou não está tendo sorte em conseguir uma data ou transformar uma data em um relacionamento, um dos erros abaixo pode ser o motivo:

1. Ter um perfil abaixo do esperado

Existem milhares de opções de namoro on-line por aí – Tinder, Hinge, abundância de peixes, fósforo, Bumble, Coffee Meets Bagel, OkCupid, Zoosk e outros incontáveis ​​que a maioria das pessoas nunca vai tentar. No entanto, há alguns desmembramentos que eu vejo continuamente nesses aplicativos e sites, que também são simples de corrigir. Primeiro, fora, suas fotos de perfil de namoro on-line vão ser uma grande parte da sua primeira impressão; por favor, certifique-se de que eles pareçam meio decentes. Ao mesmo tempo, não basta postar uma série de fotos que são, obviamente, todas filmadas pelo mesmo fotógrafo em uma sessão de fotos. Isso pode parecer intenso e desesperado e coloca a seriedade ao usar os aplicativos que são um grande desligamento. Mesmo se você estiver procurando por um relacionamento sério, você se sentirá um pouco mais divertido e informal; É melhor usar fotos com boa aparência, mas não como se você estivesse tentando demais. E fotos de grupo? Talvez um, max. Se há cinco pessoas em cada tiro, como alguém pode saber quem você é?

2. Deslizando para dentro dos DMs

O Tinder tem a opção de vincular sua conta do Instagram ao seu Tinder. Essa pode ser uma boa maneira de aprender mais sobre alguém, já que uma pequena biografia e um punhado de fotos raramente dão a você um retrato tridimensional de um ser humano. No entanto, a menos que explicitamente declarado que você pode ou deve DM a pessoa, não deslize em seus DMs do Instagram. Isso é especialmente assustador se vocês dois não combinam. Imagine ter um guaxinim sempre entrando em sua cozinha pela janela da cozinha todas as manhãs, apesar da frequência com que você sempre expulsa. É como para as mulheres abrirem seus DMs todas as manhãs para mensagens de homens que nem sequer os conhecem tentando entrar em contato. Por fim, parece invasivo. Por favor, fique fora dos nossos DMs, a menos que declaremos especificamente que está tudo bem se você tentar falar conosco.

3. Enviando Intros Chatas ou Assustadoras

OK, suponha que seu perfil seja bom e você não esteja enviando mensagens para uma mulher fora do aplicativo. Você ainda pode facilmente estragar as coisas, enviando uma mensagem de abertura ruim. Por exemplo, aqui está uma lista de introduções chatas e assustadoras que os homens me submeteram durante meu tempo no Tinder:

  • “Você quer revezar-se fazendo um recorte de papelão LifeSize da Ariana Grande?”

  • “Hey: ~)”

  • “Ei tequila”

  • “Você gosta de fazer sexo;)?”

  • “Oi, você parece francês, você é francês?”

  • “Eu persegui seu Instagram um pouco e adorei.”

  • “Enviar nus”

  • “Você já interpreta e pede ao seu parceiro para te chamar de Enya?”

Existem muitas maneiras de enviar mensagens a alguém que você considera atraente. Boas mensagens de abertura usam algo específico da pessoa (se a bio / fotos permitirem). Isso mostra que você está prestando atenção nelas como pessoas e não está apenas pensando nelas como objetos. Mensagens ruins de abertura são muitas vezes chatas – “ei”, “oi”, “o que está acontecendo” – ou abertamente sexual e assustador. Esse caminho é um grande risco, porque você não sabe como eles vão aceitar ou se eles estão no aplicativo com o objetivo de procurar algo de natureza casual e sexual. (Também é importante observar que qualquer coisa que você envie para as pessoas deve fazer sentido. “Ei tequila” não faz sentido. Você está me enviando uma mensagem ou uma garrafa de Jose Cuervo?)

4. Ficando muito sexual muito rapidamente

Isso deve ser óbvio, mas: Nenhuma pessoa quer uma foto de pau direto em seus Mestres de um completo estranho. Felizmente, você não pode enviar suas próprias fotos no Tinder, mas se você perguntar pelo Kik ou pelo Snapchat de alguém, todos saberão aonde está indo. Ainda mais, por favor, não envie uma foto de pau sem a permissão de uma mulher. Isso é assédio sexual e não está bem. Não está bem porque viola o espaço de uma pessoa, faz com que ela se sinta sexualizada, e o problema é que ninguém quer ver seu rabo desagradável, ok? Se alguém quiser, eles vão pedir. Mas até esse dia especial, por favor, mantenha isso para uma audiência de um.

5. … ou interpretação errada do conteúdo de mídia social

Os homens adoram usar o Instagram e o Twitter como seus próprios perfis pessoais de namoro. Toda vez que eu postar uma foto de mim mesmo que seja de algum modo sexual ou sensual, receberei inúmeras mensagens de homens. Esses homens podem ser homens do meu passado ou completos estranhos (e muitas vezes são). Os homens gostam de interpretar a abertura das mulheres com sua própria sexualidade como um convite automático para tentar o orgasmo. Mas a questão é que as mulheres não estão postando para o seu orgasmo, estamos postando para o nosso próprio orgasmo. Uma boa regra é: se ela quiser que você envie suas mensagens sexuais em resposta a fotos sensuais, ela enviará uma para você em particular, em vez de postá-la publicamente.

6. Namoro Inadequadamente Mais Jovem

Se você tem mais de 20 anos, não há motivo para tentar namorar adolescentes. Se você tem mais de 30 anos, definitivamente não há motivo para tentar namorar adolescentes. Se você é um homem que tenta argumentar que as crianças de 18 anos estão bem porque são a “idade legal”, em vez de reconhecer a dinâmica de poder clara baseada na experiência vivida e de gênero, talvez você não devesse estar namorando. Ainda mais, se você é um homem que fica excitado com a ideia de não ter que fazer o trabalho emocional e o trabalho que um relacionamento adulto maduro requer de você, não procure uma garota mais nova que não saiba melhor do que perceber que você é predatória. Não seja um idiota!

7. Querer que as mulheres sejam parceiras sexuais e terapeutas

Se eu tivesse US $ 100 para cada vez que um homem deslizou em meus DMs para ter conversas que ele deveria ter com um profissional de saúde mental treinado enquanto simultaneamente me dizia que queria me foder, bem, eu provavelmente não teria que escrever um artigo sobre como os homens estão bagunçando suas vidas online. Se você nunca aprendeu como processar adequadamente suas próprias emoções, não trate as mulheres em sua vida como seu local de despejo emocional. Nós não somos suas mães, não somos seus terapeutas, e não estamos aqui para realizar algum tipo de fantasia estranha de mamãe ou terapeuta para você também. (Contrate uma dominadora para isso.) Eu não estou dizendo que não há um certo nível de apoio e amor que existe em todos os relacionamentos; no entanto, é preciso haver limites. Muitos homens milenares esperam que as mulheres mal saibam que satisfazem todas as suas necessidades. As mulheres não são um vazio emocional e sexual na internet!

8. Ser impaciente ou muito intenso muito rapidamente

Este é provavelmente um dos maiores turn-offs de todos os tempos. Estamos todos ocupados. Se você é como eu, mora em uma cidade grande e trabalha em vários empregos. Por que eu deveria estar ao seu dispor? Oh espere, eu não sou. Não trate as mulheres como o tempo delas é menos valioso que o seu. Se ela quer responder a você, ela vai. Assim como se você quiser responder a alguém, você vai – quando puder. Enviando 15 mensagens “apenas no caso” é apenas irritante e desesperado. Você sabe o que não é quente? Desespero.

9. Não dar uma dica quando se trata de rejeição

Nesta sociedade, as pessoas que são designadas como mulheres ao nascer (AFAB) muitas vezes são socializadas para dar às pessoas o seu tempo e serem educadas com as pessoas que estão incomodando-as. Isso é feito simplesmente porque não queremos ser vistos como rude, obcecado ou como a resposta mais óbvia – porque temos medo de você. Isso pode machucar ouvir, mas é importante: muitas vezes, as mulheres respondem aos homens simplesmente porque têm medo das repercussões de não responder. Isto é especialmente verdadeiro se você mora na mesma cidade e corre nos mesmos círculos sociais. Houve muitas vezes em que dei a meu homem meu tempo e atenção simplesmente porque eu não queria ter que lidar com ele fazendo barulho, ou me tornando violento ou totalmente cruel comigo. Então, por favor, faça um favor a todos e dê uma dica: se uma mulher parece desconfortável, não está respondendo a você ou não está respondendo de uma maneira que sua mensagem foi para provocar, gentilmente a deixe sozinha.


Se você não está em condições de pagar uma taxa mensal para usar um site ou aplicativo de namoro, tudo bem. Mas para aqueles de vocês que têm dinheiro para gastar em compras frívolas, mas que ainda estão usando sites gratuitos, vale a pena perguntar por que você não faz um favor a si mesmo e investe um pouco em sua experiência de namoro. Usar um site pago de boa reputação, como um dos mais bem analisados ​​abaixo, pode poupar muito trabalho a longo prazo – você não terá que eliminar perfis falsos ou pessoas que não estejam procurando o que você é. Pense nisso:


Zoológico

gif transparente

AskMen Recomenda: Zoosk é a melhor opção de namoro online do AskMen, e por uma razão. Gozando de um site fácil de usar com recursos de última geração e uma comunidade em expansão de singles, é um forte candidato se você está procurando apenas um site de namoro para se inscrever em sua busca por amor.

Confira o Zoosk


Combine

gif transparente

AskMen Recomenda: O jogo é tão clássico quanto no mundo dos encontros online, já que a marca existe desde o final dos anos 90. Longe de alguma relíquia empoeirada, no entanto, o site manteve o ritmo dos tempos e se destaca como um dos melhores do grupo, oferecendo aos usuários uma marca que eles podem confiar.

Confira o jogo


FriendFinder-X

gif transparente

AskMen Recomenda: Nem todo mundo está procurando o amor de sua vida; alguns só querem alguém para se encontrar com esta noite. Se é você, considere dar um turbilhão ao FriendFinder-X. É uma opção de site de conexão altamente classificada que fará com que encontrar um caso impertinente e sem compromisso pareça um pouco menos desprezível.

Confira o FriendFinder-X